Ui… Não se pode agradar a todos… FOX que o diga

Setembro 26, 2008

Já há três dias que não publico a audiência das estreias e continuações das séries norte-americanas. A partir de hoje, não irei analisar a audiência toda por texto, mas sim publicar uma lista em que faço, antes, um breve comentário. Hoje poderão ver um exemplo do que vai acontecer. E outra novidade é que em cada post relacionado com a audiência será colocada uma sondagem.

Terça-Feira

Como é que queremos que a CBS não produza mais policiais se é um género que a coloca no Top? Por exemplo, a estreia de The Mentalist e a season premiere do já veterano NCIS garantiu à emissora um bom lugar no Top. E quando essa concorrência aumenta, as outras séries tendem a descer. A FOX deve estar mesmo a passar por uma má altura, dado que a sua série mais vista (tirando o reality show American Idol), House, está apenas com 12 milhões de telespectadores. Fringe desceu outra vez para os 9 milhões, mas não deve ser cancelada, porque se cancelam Fringe com 9 milhões, que séries é que vão ficar na grade no próximo ano?

Leia o resto deste artigo »

Anúncios

Smallville (8.02) – Plastique

Setembro 26, 2008

Numa altura em que é preciso introduzir alguns novos personagens novos para compensar a saida de Lex, Lana e Lionel, os quatro novos guionistas da série introduziram o temível Apocalipse, que em fase inicial é conhecido por ser o simples bombeiro Davis Bloome. Para quem não sabe, segundo a banda desenhada/quadradinhos do Super Homem, Apocalipse foi aquele que realmente conseguiu matar Clark Kent! Também outra personagem foi adicionada à história: é ela Bette, uma adolescente afectada por um meteorito e que já esteve presa no campo de experiências em Montana.

Não sei se Bette vai ficar por mais episódios, mas pelo que vimos neste episódio, parece que sim. Eu não gostei muito da personagem dela, por isso não me importava que ela saisse. Quanto a Davis Bloome/Apocalipse, devo dizer que gostei da introdução que o personagem teve. Só acho que foi meio forçado a aproximação com Chloe, mas esperemos que não nasça um triãngulo amoroso por aí. O final do episódio deixa o bichinho da ansiedade aceso para que nós torçamos que o próximo episódio chegue depressa.

Nota: 8,3


Supernatural (4.02) – Are You There, God? It's Me… Dean Winchester

Setembro 26, 2008

Kripke é um génio! Não há dúvida que o guionista e criador de Supernatural consegue inovar a cada temporada que passa. O tema principal de cada temporada é tão bom que nós ficamos a pensar algo do tipo ‘ele na próxima temporada não consegue arranjar algo tão bom para debater’. O tema principal desta quarta temporada é o mais interessante da série até agora, mostrando que o tema do Demónio dos Olhos Amarelos e da salvação de Dean de ir para o Inferno são meras conversas fiadas que se tem com o amigo da escola.

O Apocalipse era o tema que eu mais queria ser retratado em Supernatural. É algo verdadeiramente estrondoso e que consegue cativar o telespectador de forma intensificante. Eu adoro esta temporada! Eu quero mais! Eu quero ver cinco episódios por dia! WOW… não consigo descrever o que sinto ao ver isso em Supernatural. Simplesmente extraordinário, que até as visitas de Meg e do polícia, entre outros personagens que já passaram pela série, são como apenas algumas gotas no meio do oceano. Também foi boa a referência a Lilith e toda aquela história dos 66 selos. Ah… não esquecer a referência a Lúcifer. Foi tanta coisa que eu, provavelmente, estarei a esquecer de algo!

Nota: 9,6


Ai CW, CW… só fazes burrada!

Setembro 26, 2008

(Clique para ampliar)

Como se já não bastasse lançar um poster a poucos dias da estreia com imagens velhas (de Smallville e de Supernatural), agora lança mais um poster de Smallville após uma semana do primeiro episódio da oitava temporada. Como se isso já não bastasse, a imagem tem defeitos de montagem (sim… isso é oficial), como podem reparar o cimo do prédio da LuthorCorp está cortado. Enfim… que haveremos de fazer?