Supernatural (4.07) – It's the Great Pumpkin, Sam Winchester

Outubro 31, 2008

‘Sensacional’ é a palavra certa para descrever esta temporada de Supernatural. A série sempre nos habituou desenvolver muito lentamente a história central de cada temporada, mas nesta temporada a coisa mudou. Em cada cena que aparece o anjo Castiel, é acrescentado algo ao desenvolvimento do tema que assombra os irmãos Winchester nesta época. Além disso temos a introdução de um novo personagem conhecido por nós, fãs de séries, como Lechero da terceira temporada de Prison Break.

O episódio começa com uma cena bem bizarra: um pai de família vai ao armário buscar um rebuçado, mas ao comê-lo nota que quatro lâminas estão na guloseima. O que parecia ser mais um caso sobrenatural, acaba por revelar-se mais que isso, pois tem tudo a ver com os selos de Lúcifer que não podem ser quebrados. Assim sendo, Dean e Sam tentam salvar não só a cidade que é ameaçada pelos anjos, mas também os 6 biliões de pessoas do mundo. Ainda temos um avanço na história dos poderes de Sam.

Nota: 9,4


Crusoe (1.01) – Rum and Gunpowder

Outubro 31, 2008

Finalmente consegui ver a primeira parte do piloto. E não vou ver a segunda. A série até que não é tão má como eu pensava, mas consegue ser desnecessária na minha lista, por isso não vou acompanhar por falta de tempo e paciência. Crusoe começa com uma cena parecida à Lost (tsc… tsc… comparações) e também muito bem conseguida. Também temos os necessários flashbacks para contar um pouco do passado de Crusoe como criança e como marido.

Uma coisa que não percebo é que a NBC quer fazer uma versão moderna da história, com toda aquela casa XPTO (que até elevador tem), mas os personagens são da mesma época que o original de Daniel Defoe. Mas passando isso ao lado, ainda temos tempo para ver um pouco o português Joaquim de Almeida no episódio. A história do piloto não foi muito original mas até que teve os seus momentos divertidos. A banda sonora de Crusoe é um pouco fraca e não dá realce nenhum às cenas.

Nota: 8,2

CANCELAMENTO DO PORTAL N.º6


ABC pediu series finale de Pushing Daisies

Outubro 31, 2008

Sem ainda estar confirmado, a ABC pediu a Bryan Fuller, o criador e argumentista de Pushing Daisies, que o episódio 13 fosse re-produzido de modo a dar uma espécie de conclusão à história. Tudo indica que a série não terá nem mais um episódio adicional, uma pena porque a Pushing é um dos melhores programas em exibição na televisão americana.

O principal factor é a audiência que está muito má para o padrões aceitáveis da emissora. Pushing Daisies consegue uma média de mais ou menos seis milhões de telespectadores por episódio. A situação mudou na última quarta-feira quando o quinto episódio da segunda temporada conseguiu mais um milhão de telespectadores do que o habitual.

Se quiser tentar uma forma de salvar a série, basta clicar na imagem na barra lateral direita do Portal de Séries. É uma petição que já conta com quase 20 mil assinaturas.


The Simpsons renovada; King of the Hill cancelada

Outubro 31, 2008

A FOX começa a dar destino às suas comédias de animação. São quatro comédias que na noite de domingo até conseguem números razoáveis para a emissora, mas duas delas estão a se despedir. Como já tinha sido divulgado, esta seria a última temporada de American Dad, depois de quatro anos no ar. Mas não é só American Dad que se despede este ano. Também King of the Hill terá a sua última temporada nesta fall season, com apenas 13 episódios encomendados em Abril.

Quem está a ter mais sorte e a família mais amarela de sempre. The Simpsons está preste a ganhar não uma, não duas, mas sim três temporadas. Os dobradores das principais vozes já estão em negociações a ver se o desenho animado consegue ir até à vigésima terceira temporada. Family Guy será, quase de certeza, renovada, pois das quatro séries é a que, por vezes, tem maior número de audiências. Além disso, está a ser preparado um spin-off que estreia, provavelmente, em Janeiro.


Cine Séries, entretenimento e inovação!

Outubro 31, 2008

Cine Séries é um site composto por notícias de séries e cinema. É também um espaço onde tem reviews, colunas variadas, podcast e ainda sorteios de DVDs e objectos que estejam relacionados com o site. Já para não falar que tem um fórum incorporado ao site. Eu achei o produto final muito bom e tenho a certeza que vai ser um sucesso.

E o que eu faço por lá? Bem, eu vou fazer reviews de Supernatural (muito mais alargados que aqui no Portal de Séries), vou ter a minha própria coluna, onde darei opinião sobre um assunto da actualidade de evz em quando e ainda vou fazer parte do podcast, num bloco dedicado aos portugueses, em conjunto com a Fátima.

Não espere mais. Clique aqui para entrar no site. E não deixe de conferir a nossa página no Orkut, no Twitter e ainda no YouTube.


Smallville (8.07) – Identity

Outubro 31, 2008

Smallville não é uma má série, mas tem a habilidade de criar altas expectativas e depois desiludir os fãs. Foi o que aconteceu com esse episódio, que prometia ser algo revelador e acabou por ser um simples filler desta temporada. Eu não vejo nada de interessante em termos de avanço da história e toda a história de Jimmy descobrir a identidade de Clark foi por água abaixo. Ao menos foi desenvolvida mais um pouco da mitologia do Super-Homem.

Existem duas coisas que eu concordo que fazem de Smallville uma das séries mais criticadas da actualidade. A primeira é o fraco actor (Tom Welling) que foi escolhido para protagonista, de ano para ano ele está cada vez a representar pior. A segunda é a capacidade dos produtores enrolarem uma história por mais aborrecida que ela possa ser, como por exemplo a questão de que o segredo de Clark é apenas conhecido por duas pessoas do elenco desta temporada. Estava na altura de Jimmy saber mesmo.

Nota: 7,7


O Melhor do Início da Temporada

Outubro 30, 2008

E QUAL O VOSSO TOP 3 DE CADA UMA DESSAS CATEGORIAS?


The Mentalist (1.05) – Redwood

Outubro 30, 2008

Mais um excelente caso policial que me fez estar atento ao episódio. Estou mesmo a gostar desta série. Não é nenhuma obra-prima, mas é muito boa e bem produzida, com um protagonista que sabe conduzir a série muito bem. Nunca sei muito bem como escrever um review de uma série policial com medo de soltar algum spoiler em relação ao caso em si, mas tento sempre ter o máximo de cuidado (isso vem ao caso por um e-mail que recebi).

Neste episódio, Patrick Jane e Teresa Lisbon investigam a morte de uma jovem rapariga que é encontrada na floresta. Acontece que com ela estava uma amiga que viu tudo, quem é o assassino. A partir daí, Patrick usa as suas ‘habilidades’, por vezes ilegais, para tentar que a rapariga se lembre de tudo. Ainda temos uma lembrança dele quando a sua mulher e filhas estavam vivas. É interessante construir-se um personagem gradualmente como a equipa de The Mentalist tem feito para Patrick e Lisbon.

Nota: 8,4


House (5.06) – Joy

Outubro 30, 2008

Mais um episódio de House que eu não achei assim tão perfeito como alguns fãs acharam. Não foi um episódio razoável, foi bem mais que isso, mas acho que criei muita expectativa depois de ler vários comentários e acabei desiludindo-me. House já teve casos médicos mais interessantes do que esse, mas mesmo assim esse conseguiu ser muito inteligente. Além disso, o mesmo proporcionou um início de episódio bem misterioso e com uma montagem muito bem feita num tom obscuro.

Por outro lado, temos Cuddy. Ficámos a saber, no episódio passado, que ela quer adoptar um bebé. Tudo parecia correr bem no início, mas depois tudo piorou, e muito. Primeiro, a grávida de aluguer estava doente e o bebé poderia nascer com defeito nos pulmões. Se isso já não bastasse, quando nasce o bebé, a grávida muda e opinião e já não quer dá-lo para adopção, deixando Cuddy de rastos. E finalmente temos um beijo entre Cuddy e House! Por falar em House, o personagem está a passar de divertido a irritante para mim.

Nota: 8,6


Mais One Tree Hill, Gossip Girl e 90210 nesta temporada!

Outubro 30, 2008

As séries teen da CW acabam de ganhar novos episódios. Gossip Girl teve a sua vida facilitada ainda quando terminou a primeira temporada, altura em que foi anunciada uma temporada completa de 22 episódios. Há duas semanas atrás, a CW voltou a acrescentar mais dois episódios à temporada, totalizando, assim, 24 episódios. Acontece que hoje, segundo Ausiello, a emissora ordenou mais um episódio, ou seja, a segunda época da série teen tem, até agora, 25 episódios garantidos.

Por outro lado, One Tree Hill não teve uma vida tão fácil. Quando foram anunciados 22 episódios ainda antes da sexta série começar, correram os rumores de que esta seria a última temporada. Mas como sabem, o criador da série já assinou por mais um ano e a série terá uma sétima temporada (possivelmente sem Chad Michael Murray, o Lucas, que parece não estar muito receptivo com esta ideia). Hoje, a série ganhou mais dois scripts, totalizando uma sexta temporada de 24 episódios. Relembrando que a audiência de One Tree Hill é maior do que Gossip Girl e 90210.

Por falar em 90210, a nova série favorita da emissora, também ganhou mais dois episódios. Depois de ter uma estreia com quase 5 milhões de telespectadores, 90210 viu a sua audiência decair para 3 milhões, onde mantém até agora. Mesmo assim, a CW não se preocupou e deu temporada completa de 22 episódios ao remake de ‘Beverly Hills, 90210’. Agora, a série está destinada a conquistar os fãs ao longo de 24 episódios, depois da emissora encomendar mais dois à produção.


Estreias TVP: The Sopranos (T1) na Fox Crime

Outubro 30, 2008

A série de culto ‘Os Sopranos’ chega ao canal FOX Crime hoje, quinta-feira, dia 30 de Outubro, às 22h15. A série mais premiada dos últimos 10 anos nos E.U.A. e uma das mais caras de sempre, conta com a prestação de James Gandolfini e Lorraine Bracco. ‘Os Sopranos’ conta a história de Tony Soprano, líder de uma poderosa e temível família da máfia italiana instalada em Nova Jersey. O mafioso italo-americano acaba por procurar o sofá de uma psiquiatra na esperança de encontrar ajuda para equilibrar os pratos da sua balança: família e negócios.

Tony Soprano (James Gandolfini, ‘A Mexicana’) é o destemido chefe da família Soprano. Tony tenta ser um bom homem e pai de família em todos os sentidos: tanto com a sua mulher Carmela (Edie Falco, ‘Lei & Ordem’), com os seus filhos e a sua mãe, como sendo o encarregado da máfia em Nova Jersey.

A pressão do trabalho e da vida familiar causam-lhe uma série de ataques de ansiedade que o levam a fazer terapia psiquiátrica. Porém, há coisas que deve guardar para si mesmo, já que não é o tipo de informação que alguém que se move no seu “círculo” deva partilhar. Para não parecer um fraco aos olhos dos restantes membros da máfia, Tony tem que manter a sua terapia em segredo.

Leia o resto deste artigo »


Gossip Girl (2.08) – Pret-a-Poor-J

Outubro 30, 2008

Desisto! Desisto de tentar gostar da segunda temporada de Gossip Girl. A sensação que eu tenho é que cada episódio que se passou até agora foi um episódio filler e que nada de novo foi mostrado nem desenvolvido neste novo ano. Sorry People… mas Gossip Girl acabou para mim. Estou farto de ver sempre as mesmas coisas, os mesmos clichés, as mesmas histórias, as mesmas futilidades. Gossip Girl está chato e sem nada que lhe destaque. Infelizmente, quando o tempo não é suficiente para todas as séries, temos de deixar de pensar que uma série vai melhorar mesmo que na primeira terça parte da temporada nada indique isto.

Para piorar a situação, aconteceu-me algo a ver Pret-a-Poor-J que não me costuma, de todo, acontecer: adormecer a metade. O episódio estava cansativo e mais do mesmo. Se isso ainda não bastasse, temos uma Jenny com um look completamente diferente. E Sr. Josh Schwartz, Skins só há um, o do Channel4 e mais nenhum. Não tentes imitar a série relativamente à sua polémica porque nunca irás conseguir. E por favor, toda a situação de ‘Jenny ajuda Elanor, ela promete que vai expor o nome da Little J e depois nada’ já cansa. Já para não falar da subita aproximação de jenny e Nate. E vai levar essa nota porque me fez adormecer ao vê-lo!

Nota: 6,5

CANCELAMENTO DO PORTAL N.º5

Não DMM, não vai levar nenhum prémio por teres adivinhado nessa… LOL

Isso promete! WOW! Chega-te domingo!

Outubro 30, 2008

OMFG. A quatro episódios do final, True Blood promete ser mais soberba que nunca. A seguir seguem-se fotos dos últimos episódios e ainda duas promos que deixar água na boca. Além disso, já saíram as primeiras fotos de Zeljko Ivanek, vencedor de um Emmy, na série.

free image hostfree image hostfree image hostfree image host

free image hostfree image hostfree image hostfree image host

free image hostfree image hostfree image hostfree image host

free image hostfree image hostfree image hostfree image host

free image hostfree image host


One Tree Hill (6.08) – Our Life Is Not a Movie or Maybe

Outubro 29, 2008

Mais um bom episódio de One Tree Hill. Se o episódio da semana passada foi muito bom, esse não fica nada atrás e chega até a ser igualmente bom. Dentro do que mais interessante aconteceu, e como eu adoro basquetebol e ‘derivados’, adorei aquelas cenas do Slam Ball. Também foi muito bom ver que Jamie teve mais destaque com as cenas que ele protagoniza com Sam, que vem a revelar-se até uma boa opção para a série. Espero bem que Nathan esteja bem das costas, porque se não tiver, a sua personagem pode ficar cansativa de tantos sonhos destruídos em relação ao desporto.

O irmão de Peyton regressa e os dois encontram-se. Quem também se encontra com alguém é Lucas com um produtor interessado no seu livro ‘Ravens’ (será que é por ai que vai aparecer o ex-Dawson?) que demonstra ter como objectivo uma espécie de vingança em Peyton. As conversas de Brooke, Haley e Millicent são sempre divertidas. Interessante a citação às mulheres magras da CW (Mark, acho que acabaste de perder o teu emprego!), além das referências a vários actores e actrizes famosos para fazerem os papéis dos estudantes de Tree Hill.

Nota: 8,9


Friday Night Lights (3.03) – How The Other Half Lives

Outubro 29, 2008

Olha, não sei se sou eu, mas na minha opinião a cada episódio que passa, a qualidade deles sobem mais ainda. O episódio 3.03 How The Other Half Lives, foi bastante esclarecedor e nos apresentou novas perspectivas em relação a alguns personagens.

Se você pensava que Tim, tinha uma vida desregrada, você viu que a do irmão dele, Billy, consegue ser pior ainda. Além de gastar o dinheiro que ele não tem com bobagens, descobrimos que ele está roubando fio de cobre para sobreviver, vamos ver se ele cumpre a promessa dele e realmente abre um negócio com o dinheiro do roubo. O casal Tim e Lyla passa de novo por mais uma turbulência (claro que foi por causa do Tim não é?), e mesmo assim a Lyla perdoa ele mais uma vez. Depois de mais uma mancada, eu acho que se o Tim fizer mais outra burrada a relação deles acaba na hora. Eric provou que é um grande técnico e um grande homem.

A pressão em cima do Matt nesse episódio, foi a maior que já vi em toda a série em relação ao futebol, mas ele soube lidar muito bem com ela e fez um jogo quase impecável, se tivesse marcado o touchdown no fim do jogo, ele com certeza iria se sentir aliviado e provaria a todos que mesmo sendo um garoto humilde e simples, sua garra e força de vontade supera qualquer adversidade. A série provou que diferente da maioria dos seriados ‘teens’ que a vitória vem sempre no final, Friday Night Lights contraria a lógica e mostra de forma realista que nem sempre quando tudo aponta para vitória, ela vem.

Nota: 9,0