Greek (2.07) – Formally Yours

Outubro 18, 2008

Greek acaba de certa forma se perdendo na falta de originalidade. Uma série que tem como pano central uma universidade, na minha opinião deveria explorar outras possibilidades e não somente festas, pegação e brigas de fraternidades. Confesso que adoro essa temática e entendo a proposta dos criadores, mas creio que a tendência é deixar os telespectadores entediados por mais uma festa e “N” expectativas sobre este acontecimento. Novamente vemos temas já explorados em diversos seriados, com o famoso “Amigos com Benefícios”, que acabou deixando as coisas mais confusas entre Cappie e Becca. Será que a teoria do tempo de relacionamento se aplica ao tempo de superação do fim do relacionamento?

Temos mais uma festa rolando e desta vez é a Festa da Primavera, o famoso baile que cada fraternidade organiza. Vemos Rusty como organizador oficial dos KT, porém a empolgação dele vai por água abaixo quando Cappie decidiu cancelar o baile e fazer a famosa ” festa livre KT”. Algo que está cansando é a luta presidencial das ZBZ, geralmente a Casey ganha pontos comigo mas a paranóia dela as vezes chega a sufocar, será que a vida pra ela é só isto? E a pressão que coloca sobre o Cosmo Boy, acho que é bem nítido que ele é novo em tudo isto e que ela poderia ir com mais calma, mas ele sempre surpreende de certa forma e para agradá-la decidi dar a noite mais romântica de sua vida. Ash tem ganhado mais destaque nos últimos episódios e se desprega aos poucos da imagem de “BFF da Casey” e consegue render bons momentos.

Leia o resto deste artigo »


Lost só há um, o da ABC e mais nenhum…

Outubro 18, 2008

Confesso que quero ver Crusoe só para criticar bastante a série e até porque gostava das aventuras de Robinson e de Sexta-Feira na ilha, na obra de Daniel Defoe. Acontece que esta obra foi trazida até ao pequeno ecrã pela emissora americana NBC. A emissora, este ano, apostou mais em séries que já têm ‘nome lançado’, como o caso de Merlin (que estreia em 2009), Crusoe e ainda a histórica Kings. Contudo, como disse no título que Lost só há um, podia-se adivinhar que a audiência da estreia de Crusoe não seria grandes coisas, mas eu nunca pensei que fosse tão má.

A série conseguiu na primeira hora de duração (o piloto foi de duas horas) 6.74 milhões de telespectadores e na segunda hora 7.73 milhões. Também My Own Worst Enemy, da NBC, não teve números muito grandes, pois só conseguiu os modestos 7.3 milhões. Heroes, uma série que tinha em torno de 13 a 14 milhões de telespectadores, está agora na casa dos 8 milhões, enquanto que a segunda temporada de Chuck e Life estão a ter números míseros (5-6 milhões). É caso para dizer que a NBC está a sofrer uma fall season de fracasso?


Grey's Anatomy (5.04) – Brave New World

Outubro 18, 2008

Depois dos três primeiros episódios terem sido uma desilusão, Grey’s Anatomy voltou na última quinta-feira com o melhor episódio desta temporada. Todos sabemos que Meredith e Derek são um dos casais mais chatos das séries norte-americanas e já está na altura de fazê-los crescer como personagens, mas mesmo assim Shonda Rhimes prefere torturar-nos com momentos verdadeiramente desnecessários. E quando coloca a mãe de Meredith no meio, quando ela já devia estar esquecida, temos o caldo entornado.

Felizmente, temos outros personagens bem mais carismáticos. Começando pela cena em que Callie desabafa com Bailey. Esta cena foi hilariante, a cara da Bailey foi inesquecível. Por falar no romance entre as duas, Callie e Hahn, acho que está a ir pelo caminho certo, devagar mas em segurança, como assim se esperava. Por outro lado, temos ainda uma storyline que envolve a secção de dermatologia. Muita gente não gostou, mas eu adorei, mas também teve a Yang e qualquer cena que ele esteja é boa. Por fim temos uma boa história daquele miúdo que tinha medo de fazer a cirurgia e George ajuda-o a ultrapassar o receio.

Nota: 8,5


CSI (9.02) – The Happy Place

Outubro 18, 2008

Eu comecei a ver o episódio ontem e só consegui terminá-lo hoje. Juro que quando comecei a ver ontemà noite eu não estava com sono, mas quando The Happy Place ia nos 20 minutos de duração, eu quase que não conseguia manter os olhos abertos. Com isso, posso concluir que não foi um episódio bom, sendo só mais um típico CSI.

Jorja Fox ainda está na série neste segundo episódio, mas sai de uma forma pouco… sei lá… fraquita. Os casos também não foram grande coisa e a única coisa que eu gostei no caso da mulher que cai do prédio em cima do autocarro, foi a cena da queda em si, que está muito bem feita. O outro caso do miúdo que tem um filho com 15 anos com a sua Orientadora foi um pouco mais interessante, mas mesmo assim não e cativou.

Nota: 7,4


Terminator: TSCC e The Mentalist ganham temporada completa

Outubro 18, 2008

Vamos começar pela nova e melhor notícia do dia! A série Terminator: The Sarah Connor Chronicles tinha ganho dois novos scrips para esta temporada, mas parece que a FOX quer ainda lhe dar mais uma oportunidade, ordenando uma temporada completa de 22 episódios, que será suficiente para concluir a série. Terminator tem tido uma audiência entre 5 a 6 milhões de telespectadores, sendo que esse último conseguiu 5.7 milhões. Vamos ver se os números melhoram com o regresso de dois grandes sucessos em 2009 (American Idol e 24).

Por outro lado, a CBS ordena também mais 9 episódios do seu novo drama policial: The Mentalist. A série é a estreante de primeira temporada com mais audiência nos Estados Unidos, com uma média de 15 milhões de telespectadores. A CBS está a ir muito bem este ano, sendo que quase todos os seus dramas estão com média superior à marca dos 10 milhões. Por outro lado, a NBC e a FOX não vão muito bem. A NBC, nem com a sua série de maior audiência (Heroes), consegue ultrapassar os 10 milhões e a FOX tem conseguido apenas com House e por vezes Fringe.