Problemas no PC + Teste de Biologia = Desolação!

Outubro 20, 2008

Explicando a situação: estou com problemas no computador por causa da porra do Vista e ainda por cima tenho teste de biologia quarta-feira. Assim sendo, vou tentar resolver o problema na quarta-feira, no mais tardar, de modo a que o meu PC volte ao velho mas maravilhoso XP.

Cumpz

PS: Já vi o quinto episódio de Merlin e foi menos bom, não fraco, do que os outros. A nota fica por um 8,3.


NCIS regressa à TVI a horas mais decentes!

Outubro 20, 2008

Depois da primeira e única temporada de O Clube das Investigadoras ter terminado na passada quinta-feira, será a vez da terceira temporada de NCIS (Investigação Criminal em Portugal) a preencher a lacuna deixada. Assim sendo, será transmitido um novo episódio todas as quintas-feiras pelas 00h30 (madrugada de sexta-feira), horário este que nem é tão mau para o padrão que o canal já nos habituou e, para mim, como sou dos Açores, melhor ainda (23h30 cá). Kill Ari será o episódio de estreia.

Em Kill Ari, enquanto não existem provas concretas de que Ari tenha sido o atirador, Gibbs está convencido de que a bala que matou Kate foi disparada por ele.A Equipa trabalha para recolher provas e esforçam-se por travar Ari, cada um deles é confrontado com , novas emoções por causa da violenta morte de Kate. Enquanto isso, o director da NCISC, informa Gibbs que ele irá ter um novo cargo e apresenta-o á sua nova chefe, Jenny Shepard com quem ele teve um sórdido passado. Esta equipa é constituída pelo agente especial Leroy Jethro Gibbs, sargento da Marinha, cujas capacidades de investigador são ímpares.

Gibbs é um homem de poucas palavras, a quem basta um olhar para dizer tudo. Abaixo de Gibbs, o agente especial Anthony DiNozzo, um ex-detective de homicídios, a juntar se a eles o especialista forense Abby Sciuto, um talentoso cientista e o médico Dr.Donald. Internamente a equipa do NCISC terá de descobrir depois da devastosa perda da agente especial Kate Todd nas mãos de um terrorista. Do crime ao terrorismo passando pelo roubo de submarinos estes agentes especiais investigarão todos os crimes relacionados com a Marinha. (Sinopse TVI)


Estreias TVP: Dirty Sexy Money (T2) no MOV

Outubro 20, 2008

Com apenas três semanas de diferença da emissão dos Estados Unidos, o canal MOV aposta em trazer a segunda temporada da série protagonizada por Peter Krause aos portugueses. Esta é uma boa iniciativa porque nós não precisamos de esperar muito tempo para contemplar a série (não é o meu caso porque eu não vejo Dirty Sexy Money). Para ver a partir das 22h00 no MOV.

Na segunda temporada de Sexo, Dinheiro e Poder a família Darling, uma das mais ricas e poderosas de Manhathan, continua a envolver-se nas piores situações possíveis, confiando apenas no seu advogado, ‘Nick George’ (Peter Krause) para resolver os seus problemas.

Nick assumiu o cargo de advogado da família após a morte do seu pai, que ocupou o cargo de ‘guardião’ dos (muitos) segredos dos Darling até então… Nick tinha jurado que nunca havia de seguir as pisadas do pai, que sempre colocou os Darling em primeiro plano em detrimento da família e da sua própria liberdade, por isso tornou-se advogado dos mais desfavorecidos. Mas a vida tem destas coisas e quando o pai de Nick morre, súbita e misteriosamente, este acaba por aceitar uma proposta irrecusável do persuasivo patriarca dos Darling, Tripp (Donald Sutherland).

Leia o resto deste artigo »


Greek (2.08) – The Popular Vote

Outubro 20, 2008

Mais um episódio razoavelmente fraco, mas algo me vem a cabeça: faltam dois episódios para o season finale e não consigo imaginar que possa mudar algo até lá e que faça garantir uma nova temporada, por mais que goste de Greek não acho que eles tem “o que é necessário” para retornar. Neste episódio não há muito o que acrescentar: Tivemos a tentativa de Rusty em encontrar a nova possível “Jen K” e para isto Cappie o acompanha no “Encontro Rápido”, uma espécie de passa ou repassa de perguntas com possíveis candidatos para possíveis encontros, você tem 2 minutos para entrevistar alguém e “N” possibilidades de conseguir encontros. Cappie 8 X Rusty 2. Talvez o destaque tenha sido o encontro do Rusty com uma garota que não me recordo o nome e a aparição mega desastrada da Jen K, como garçonete do local que ele leva seu encontro.

Claro que já podemos imaginar que isto leva a outra coisa, mas no “finale” dos dois, Rusty vê que a “Jen K” dos seus sonhos não é mais a Jen K que ele buscava em alguém. Outro momento que achei mega mal construído foi os impasses do Calvin em relação a sua traição e a seu relacionamento com o Michael, realmente quando vi a cena no qual Calvin vira e fala “Eu te trai”, tipo parecia tão banal como uma pergunta de elevador “Acho que vai chover hoje, certo?!” e o fim do relacionamento deles também totalmente X, assim como o início. Temáticas como esta tem que ser bem preparadas, a exemplo dos personagens de Brothers & Sisters, Kevin & Scotty, mas não pode-se comparar algo bem conduzido com algo que soa arrastado de tão forçado. Finalmente temos o final do lenga lenga presidencial entre “Evil Frannie” e “Poddle Casey”, que travaram uma disputa suja e totalmente sem limites, perante até a ridicularidade, por que realmente “Politica é percepção”, certo?

Tudo soa tão artificial, Rebecca estava pronta para aboiar Casey porém Frannie solta o podre sobre ela e Cappie nas férias, que afinal foi somente um beijo sem importância, porém a história toma outra dimensão, talvez ela estava grávida e não saiba?! Casey e Ash invadindo o quarto da Frannie para cavar algum podre (nossa ela foi 2º lugar num concurso de miss e tocava clarineta) e realmente foi meio que pedir para a Frannie fazer algo a ser favor para reverter a situação, às vezes acho que a ela subestima demais alguém como a Frannie. OMG STOP IT! Talvez o melhor momento tenha sido o do final com os discursos de ambas e a revelação suja sobre a traição de Frannie em relação a quase-expulsão da Becca após as férias de verão. Play Dirtty Girl, play it! Reviravoltas e reviravoltas, após tanta falcatrua e desonestidade das candidatas nomeia-se por decisão de Rebecca e as caloiras através de votos livres uma nova presidente, que ao meu ver foi super justo: Ash! Sim, a BFF de Casey a destrona do cargo! Será que isto irá abalar a amizade das duas? Será que Ash conseguirá carregar a casa e fazer algumas mudanças necessárias? Só sei que Rebecca deu uma aula a Casey na cena final ao dizer que política não é sobre nabos e clarinetas e sim sobre inspirar pessoas e isto vai além do que ser somente ser melhor que a oponente.

Nota: 7,0

Escrito por: Mary
Revisado por: Marco