Equador (1.01) – Episódio 1

Dezembro 21, 2008

equadorFinalmente estreia aquela que deve ter sido a série mais falada antes da própria estreia em Portugal. E com o grande hipe que esteve à volta de Equador, será que o produto tem qualidade? Pelo que nos foi mostrado até agora, eu não escondo a minha surpresa por nos ter sido mostrado algo tão bem feito. Mas também sejamos francos: isso tinha tudo para dar certo. Se não fosse para dar certo, a série ainda não tinha sido comprada por três ou quatro países, ainda antes do primeiro episódio. Para quem não sabe, Equador é uma adaptação do livro de Miguel Sousa Tavares com o mesmo nome com mais de 400 mil cópias vendidas em dezenas de países.

Com 100 actores, alguns bem conhecidos como Maria João Bastos, Alexandra Lencastre, Paulo Pires, Marco D’Almeida e Lídia Franco, esta minissérie de 26 episódio conta com um elenco verdadeiramente luxuoso, melhor seria impossível. Existem outras três coisas que adorei. As paisagens são lindíssimas. Filmada em quatro continentes, Equador mostra-nos o que de verdadeiramente bonitos existe nessas terras. A beleza deslumbrante de São Tomé e Princípe, Portugal, Índia e Brasil certamente irá conquistar algumas pessoas.

Em segundo, a banda sonora que é excelente. Agradeço a Deus por um produto vindo da TVI ter uma banda sonora realmente boa. E mais não digo, senão ainda vêm aí uns fãs das actuais telenovelas a matarem-me. E terceiro e último, tenho de destacar os figurinos, as casas, as histórias, tudo o que está relacionado com a época em questão. Até o genérico (que se segue) destaca-se pela positiva e eu continuarei a acompanhar a série, até ela me desiludir, claro.

Nota: 8,1

Anúncios

30 Rock (3.06) – Christmas Special

Dezembro 21, 2008

snapshot20081221122950Merry Christmas! Chegou o Natal a 30 Rock, mas parece que a prenda não foi bem aquilo que nós pedimos. Sendo um episódio natalício, juro que tentei gostar muito dele, uma espécie de boa acção, mas não consegui. Foi melhor que o anterior, mas a série continua a não me convencer e por isso é vítima do cancelamento do Portal. Pena que o Tracy e Jenna (alguém acredita que a actriz já tem 40 anos?!) não têm muitas cenas juntas, pois eles dois é que são a alma da série. Adorei a mãe do Jack, Jack este que está cada vez mais irritante. Concluindo, 30 Rock ressuscitou na minha lista mas acaba por morrer, de vez, do tipo Ned de Pushing Daisies.

Nota: 8,0

CANCELAMENTO DO PORTAL N.º 12


Bones (4.03) – The Man in the Outhouse

Dezembro 21, 2008

bones402Bones é uma série que consegue cativar os espectadores pois, para além de manter um caso que por vezes é interessante (só por vezes), desenvolve sempre as narrativas dos personagens fixos, o que torna a série ainda melhor. E este episódio foi um exemplo de um caso bom, com uma temática apelativa que se interligou com a narrativa dos personagens fixos.

Este episódio trata a morte de Bill, um apresentador de um programa onde os maridos eram apanhados a trair as suas mulheres. O desenvolvimento do caso decorre de uma maneira muito ligeira, descobrindo que Bill também poderia ir para o seu programa, até a descoberta do assassino, o namorado da amante de Bill.

Na narrativa de personagens fixos, temos a poligamia de Bones a ser tratada de uma maneira muito engraçada, principalmente a parte onde se encontram os dois homens com quem ela anda a sair. É isso que torna Bones cativante, é que tem sempre uma dose de humor na série. Por último, tenho a referir a saída de mais um candidato para a substituição de Zach. Parece que o dilema se mantém até ao final de temporada.

Nota: 8,2

Escrito por: Aguerra
Revisado por: Marco


Worst Week (1.10) – The Apartment

Dezembro 21, 2008

snapshot20081218132619Mas que episódio fraquito, pelo menos para mim. Não teve o divertimento dos anteriores e a história do apartamento do casal não foi bem conseguida. Mas como sempre, os personagens e os actores em si dão um excelente ambiente à série e isso é que faz de Worst Week uma das melhores comédias da actualidade. Neste episódio, não consigo destacar uma cena verdadeiramente hilariante como a da piscina no passado, por isso a nota que darei é merecida e embora me custa, tem de ser. Além disso, o episódio foi tão fraco que demorei dois dias para começar a escrever esta meia dúzia de linhas.

Nota: 7,0