Greek renovado; Kyle XY cancelado!

Janeiro 31, 2009

35825

A ABC já decidiu o destino das duas grandes apostas da emissora dos últimos três anos. Começando pela renovação de Greek, a série regressa a 30 de Março para a segunda parte da segunda temporada. Contudo, satisfeita com a série, a emissora já a renovou para uma terceira temporada composta por 20 episódio que deve começar em Agosto ou Setembro deste ano. À semelhança do que tem acontecido, a mesma também deve ser dividida em metades, uma em 2009 e outra a começar no primeiro trimestre de 2010.

71239Quem não teve um final feliz foi Kyle XY, que terá o final agendado ainda este ano com a emissão do episódio número 10 dessa terceira temporada. Muitos sabem que os americanos não são nada amigos de séries que apresentem muita ficção científica e talvez esse pode ter sido uma das razões pela qual Kyle XY foi cancelada. Mas a verdade é que a série cresceu em termos de audiência na segunda temporada, temporada essa que abordou mais a componente da ficção científica.

The Secret Life of the American Teenager também poderá ser renovada para uma segunda temporada. Infelizmente, o destino de The Middleman continua incerto, e enquanto a ABC Family não se pronunciar, a série está praticamente cancelada. Uma pena, porque ela até tem potencial. Kyle XY e Greek terão reviews semanais das temporadas actuais pela Mary. O que acham desses cancelamentos e renovações? Justos ou nem por isso?


Supernatural (4.13) – After School Special

Janeiro 31, 2009

snapshot20090131192053

Já tinha saudades de um episódio realmente bom de Supernatural. Talvez se a série tivesse menos episódios por temporada, mais ou menos 15, não estaríamos expostos a tantos episódios soltos como numa temporada de 22, como é o caso. Os fãs agradeciam, mas Supernatural não está numa emissora por cabo, como a HBO ou Showtime (se Supernatural tivesse na HBO iria ser brutal). Depois de dois episódios fracos a comparar com o resto da temporada não temos um episódio divino, mas foi muito melhor que os antecessores.

Dean e Sam regressam aos seus tempos de escola, mais propriamente a terceira escola em que eles estariam em 1997, sendo que ainda era Novembro. Quando Sam diz isso percebemos que ele não gosta do que se passa na sua família, que os seus sonhos são outros e que o facto do seu pai ser um caçador e o irmão mais velho, Dean, o idolatrar só fazem de Sam uma criança triste e sozinha, sem ter um ombro amigo.

Contudo, nessa escola que ele odiava no início ele encontra um miúdo nerd em quem ele cria uma amizade e um professor que lhe ensina que deve seguir as suas vontades, e não os ‘negócios de família’. Apesar de ser um filler considerando a história actual da série, foi muito interessante ver como o presente e o passado se interligam através dos estudantes de agora e de outrora.

Leia o resto deste artigo »


How I Met Your Mother – Primeira Temporada (2005)

Janeiro 31, 2009

howimetyourmother

How I Met Your Mother, começa no ano de 2030 onde Ted começa a contar aos filhos como conheceu a mãe de ambos, a partir de flashbacks a série vai-nos dando a conhecer as personagens, as suas aventuras e histórias amorosas. Lily e Marshall estão juntos acerca de 9 anos, e estão prontos para dar o passo final, o casamento. Ted mora com Marshall, e quando este lhe dá a novidade este começa a repensar a sua vida, e tenta arranjar a mulher a quem irá propor casamento. Nesta procura conhece Robin por quem se apaixona, no entanto o relacionamento não avança, mas acabam por ficar bons amigos.

Para completar o quinteto de amigos temos Barney, o palhaço de serviço, para mim uma das principais razões para a série ter o sucesso que tem. Dono de um humor e de uma imaginação característica, esta personagem proporciona-nos os melhores momentos de humor da série. Passo a destacar algumas das suas peripécias, have you met Ted?, lemon law, give me five, it’s gonna be legendary, até ao episódio em que visualizam uma casssete que Barney gravou para Shannon, onde nos deparamos com um Barney totalmente diferente, cabelo comprido, sem terno, e aspirante a cantor. Afinal este não foi sempre um fanático por ternos, mas aquele episódio com Shannon mudou a sua maneira de ser. Personagem intrigante que ninguém sabe o que realmente faz na firma onde trabalha.

Leia o resto deste artigo »


O Portal Comenta… 30 de Janeiro

Janeiro 31, 2009

31jan


Smallville (8.13) – Power

Janeiro 31, 2009

snapshot20090131100843

Smallville é uma série conhecida pelas suas controversas decisões. Esta temporada estava a ser tão sólida, mesmo sem a Lana e o Lex, que até dava vontade de elogiar a quadrupla de produtores que entraram em 2008 para a série. Mas o regresso de Lana à trama foi interessante no início e claro que merecia uma explicação do porquê de ela se ter tornado uma lutadora. Gostei da explicação em si, mas quando têm a triste ideia de lhe colocarem poderes como o Clark tem em cima dela, foi tudo estragado.

Eu devo ser das únicas pessoas que não odeia por inteiro a Lana. Mas com o seu regresso, podiam ter poupado o romance entre os dois, principalmente quando Lois, o verdadeiro amor de Clark Kent, começava a definir os seus sentimentos por ele. Mas como já disse acima, gostei do facto de ela ter voltado para amarrar pontas soltas, tais como a sua ligação com o desaparecimento de Lex Luthor.

Num episódio que peca pela decisão final dos produtores e não pela direcção de Allison Mack, a Chloe da série, os fãs esperam ansiosamente pela despedida definitiva de Lana que acontece no próximo episódio. Das duas uma: ou ela morre, ou ela morre. Não dá para ter dois super-heróis em Smallville. Isso vai contra a lenda que deu origem à série, a lenda do Super-Homem dos quadradinhos/banda desenhada. Não tem como não ficar frustrado caso o final da Lana seja algo do género: ‘agora vou salvar vidas pelo mundo’.

Leia o resto deste artigo »


Skins (3.02) – Cook

Janeiro 30, 2009

snapshot20090130222514Depois de ver este episódio centrado em Cook, realmente tenho a sensação que estes personagens não têm gabarito para terem um episódio centrados em si. Posso estar enganado, e espero estar, mas tenho a dizer que foi uma grande desilusão esses 45 minutos da vida de Cook. É nessas alturas que eu tenho saudades do elenco da primeira geração, que não deixavam a desejar em diversos aspectos que vão ser abordados mais a frente nesse review.

Eu sei que devemos evitar comparações, mas nesse caso elas são inevitáveis. Começando pela interpretação, alguns dos actores desta nova temporada ficam muito atrás dos da passada, principalmente o que faz de Freddie e as duas gémeas. Eu não queria que isso se torna-se num Morangos com Açúcar mais apimentado e rebelde, mas os directores de casting têm de ter mais atenção em quem escolhem para entrar na série.

Leia o resto deste artigo »


Registe-se no Portal de Séries – Conheça as vantagens!

Janeiro 30, 2009

untitled-11

O Portal de Séries lança agora mais uma novidade que irá facilitar a vida àqueles que gostam de participar activamente (a comentar) no site. Passo a explicar: as pessoas que preencherem um simples formulário (aqui) terão uma série de vantagens que aqueles que não se registarem.

Quais são as vantagens de ser registado?

Em primeiro lugar, não precisa mais de preencher aqueles campos como Nome, E-Mail e Website (caso tenha) toda a vez que for comentar um artigo. Em vez disso, assim que fizer ‘Login’ na barra lateral esquerda, onde diz Equipa, ou então por esse endereço, as informações que antes eram pedidas já estão gravadas quando se registou.

Outra vantagem é que pode aceder a algumas estatísticas do Portal de Séries, como número de posts, comentários, entre outras coisas. Ainda tem uma página própria para alterar dados do seu registo e/ou acrescentar novo, como um site, MSN, o nome que quer que apresente quando comenta (por exemplo, o meu pode aparecer ‘user’, Marco, Marco Braga ou Braga Marco – depois escolhe-se qual quer).

Por último, queria dizer que se quiser mudar a sua imagem de exibição, avatar, basta ir a esse site e registar. É muito simples de mudar!

REGISTAR


Lost (5.03) – Jughead

Janeiro 29, 2009

snapshot20090129152612

Definitivamente, essa será a melhor temporada de Lost até agora. E digo isso, mesmo antes de ver os restantes 14 episódios, por uma simples razão: Evangeline Lilly (Kate) diz que a primeira parte da quinta temporada é mais fraca a comparar com a segunda. Se estes três episódios já são excelentes (já houve melhores, eu sei), imaginem o que vem por aí. Vai ser algo mesmo de extraordinário! Esperemos que sim, pois Lost é, para mim, a melhor série de televisão da actualidade. Desde a primeira temporada que o foi, e até agora continua a o ser.

Jughead tem um dos melhores inícios de episódios de sempre da série. Há dois anos atrás dos acontecimentos actuais dos Oceanic 6, Penny tem um filho a quem lhe chamam Charlie. Muito bonita essa homenagem a uma das personagens responsáveis pela união do casal nesse momento, que nos últimos segundos de vida tentou, e conseguiu, a muito custo, salvar a vida de muitos sobreviventes do voo 815 da Oceanic. A cena do parto foi muito realista e é sempre bom ter episódios centrados no Desmond, pela sua peculiaridade, emoção e confrontos.

Leia o resto deste artigo »


Leverage (1.07) – The Wedding Job

Janeiro 28, 2009

leverageUm ótimo episódio de Leverage, que vem mostrando que está tomando um bom rumo. Nesse episódio, o caso é sobre uma amiga de Sophie, e como consequência disso, temos um destaque nela, e principalmente em seu relacionamento mal resolvido com Nate, que resulta em ótimas cenas, como a do casamento. Esse foi sem duvidas um dos meus episódios preferidos de Leverage. Apesar de não ter tido uma grande resolução do plano, porque a maioria foi feito aos nossos olhos, ainda assim conseguiu me surpreender. Eu realmente achei que iriam apenas pegar o dinheiro, mas conseguiram ainda liberar o marido da mulher, que foi preso injustamente.

Mexer com a máfia é algo perigoso e grande, mas o caso desse episódio está longe de ser o que o torna interessante. Cada personagem teve seu toque de particularidade. Seja o Nate em cenas constrangedoras e cheias de indiretas com a Sophie, ou o Hardison no maior clima com a Parker, que até usa a desculpa de transar com ele para escapar.

Leia o resto deste artigo »


O Portal Comenta… 28 de Janeiro

Janeiro 28, 2009

portalcomenta2


Madagascar vira série de TV

Janeiro 27, 2009

penguins2

Skipper, Kowalski, Private e Rico são os quatro pinguins que viajantes de Madagascar (nos dois filmes). As versões cinematográficas contam com nomes conhecidos (Ben Stiller e Chris Rock por exemplo), mas não são eles que darão as vozes à série animada porque os protagonistas são os pinguins mencionados no início da notícia, e que estão na foto que a ilustra. Segundo o Poltrona.TV, esse é o mote principal da história:

De volta ao zoológico do Central Park, os quatro pinguins – que acreditam fazer parte de uma tropa de elite – embarcam em missões secretas por Nova Iorque (EUA) e precisam lidar com um novo vizinho: Julien, o rei dos lémures.

A série começa a 4 de Abril e já garantiu 52 episódios, divididos em duas temporadas com 26 cada. A produção e exibição fica a cargo do Nickelodeon dos Estados Unidos. Curiosos para ver?


Kyle XY (3.02) – Psychic Friend

Janeiro 27, 2009

snapshot200901241144404Após escrever o review da semana passada, achei que havia pegado muito pesado com o retorno de XY, porém vi que realmente não fui tão dura assim. A série voltou diferente, voltou sem uma grande trama ou um grande arco que complementasse a segunda temporada. Vemos um episódio sem muito ritmo e cansativo no qual Kyle, como já era de esperar após o sequestro de Amanda fica totalmente preocupado e meio neurótico com sua garota, atitudes nas quais a deixam bem irritada. É interessante ver a sempre boa moça e pacata( apelidos leves para não dizer chata) Amanda mostrar que tem sangue correndo nas veias quando é impulsionada a reagir. Durante a festa (aqueles Carnivals típicos dos americanos), eles acabam tendo sua grande briga séria, pois Kyle revela o sequestro na noite do baile. Assim por conselhos de Josh, ele decidi ir na vidente e ouvir o que essa tem a dizer.

Façam relações ao “Coelho Branco”, “Água” e “Alma Gêmea que precisa de você”, nesse momento pensei de cara na Jessi em vez da Amanda. Jessi está passando por mal momentos devido ao abandono de sua mãe e vemos o quão mãezona é a Nicole, pois esta a convida para morar na casa dos Tragger. Apesar de achar a Jessi estranha demais até para os padrões mais estranhos, acho que ela senti algo pelo Kyle que Amanda não senti por ele, a maneira com que ela o olha ao final, nunca achei que fosse admitir, mas é tocante e foi tão bonita quanto as cenas meigas e adoráveis do casal ternurinha. O fato de Jessi fazer tudo que Kyle pede a ela, mesmo estando sem condições e mesmo quando ele nem sequer percebe que ela que precisa mais dele.

Leia o resto deste artigo »


Flashpoint (2.03) – Fight or Flight

Janeiro 26, 2009

flashpoint-2031Inovar – tornar novo; mudar ou alterar as coisas, introduzindo-lhes novidades; renovar. Uma série que inova refaz-se, mas mantém a identidade. Uma série que inova não entra na monotonia, mas consegue desfazê-la. Uma série que inova é como algo que novo nasceu, uma Fénix que primeiro teve de passar pelo fogo antes de renascer. Uma Fénix que está pronta para voltar a voar. Foi tudo isto, e ainda noutras metáforas, que pensei ao ver o episódio de Flashpoint. Flashpoint teve uma primeira temporada, que como disse muitas vezes, muito boa. Teve os dois primeiros episódios um pouco mais fracos e este terceiro renasceu. Uma Fénix autêntica, pois teve um crescimento e maturação durante a primeira, teve de “morrer” durante os dois primeiros episódios da segunda para neste episódio renasce.

Mas o renascimento deve-se a uma mudança na série, uma inovação como foi dito em cima. E essa inovação foi introduzida por um caso mas sentimental, mais emotivo, se calhar o mais emotivo da série, mais pessoal. O episódio retrata dois casos em um. Começamos com a chegada de Danny ao centro de operações especiais. Danny foi um dos primeiros que fizeram parte deste grupo, e por isso é reconhecido por todos. Mas a equipa recebe uma chamada e precisa de sair. O caso que têm de tratar trata-se de uma ameaça de bomba num dos locais mais movimentados da cidade. A equipa, ao chegar, recebe uma chamada do centro a avisar que Danny estava com uma arma no centro. Danny barricou-se com um ficheiro, um caso passado. Este caso trata-se de uma negociação realizada por Danny, onde morre uma criança.

Leia o resto deste artigo »


Saudades de Heroes? Não? Olha que pelo trailer isso promete!

Janeiro 26, 2009

heroes_title_card_3Prometer, promete, vamos é lá ver se tal é cumprido. Eu também fiquei muito entusiasmado com o trailer de Villains e depois foi a desilusão que foi. Mas com a entrada de Bryan Fuller para a série, sem muitas personagens novas, uma história que até pode dar que falar e o regresso dos personagens às origens (Peter como enfermeiro, Mohinder como taxista, e por aí adiante), confesso que estou curioso para ver o que vai sair daí. Greg Grunberg, o Matt Parkman de Heroes, disse que o episódio 3.22 é simplesmente fabuloso! Ele também elogiou a volta do criador de Pushing Daisies como argumentista.


A falta de profissionalismo do SeriesETC

Janeiro 26, 2009

tv_home6Eu não costumo ser mesquinho com esse tipo de coisas, mas desta vez acho que tenho toda a razão. Há algum tempo que acompanho o SériesETC, o site sobre série da famosa Globo, e eu sempre soube que respeito pelos leitores era algo que eles não tinham. Parece que um spoiler barato no título era a visão deles (autores) para fazer uma pessoa ler uma notícia. Vocês não têm noção a raiva que eu sinto nesse momento desse site que se diz ‘especialista’ em séries.

Esse ódio todo em relação ao Séries ETC vem por uma simples razão: eu sempre fui muito curioso em relação a spoilers de Lost. Sempre lia tudo o que saía no Dude, We Are Lost e afins, mas eu prometi a mim mesmo que nesta temporada não os ia ler. Até hoje, claro… quando no título (VEJAM SÓ!), no título está colocado o spoiler que eu tanto me quis esconder. Isso é coisa que se faça para os leitores que por lá passam? Será que esses três que por lá escrevem são mesmo jornalistas?

A única coisa que tenho pena é que pequenos sites e blogs realmente bons não tenham tanta oportunidade a nível financeiro, exclusividade, entre outras coisas, como esse site tem. Aposto que se ele não fosse apadrinhado pela Globo.com, hoje já tinha fechado as portas. Enfim, um site onde não se pode entrar e que eu recomendo, a todos os que não querem ter as suas surpresas de Lost estragadas, a não o fazerem.

E é tudo. Desculpem o desabafo, mais uma vez!