One Tree Hill (6.15) – We Change, We Wait

Depois deste episódio, me deu vontade de rever as primeiras temporadas. Em primeiro lugar por ver uma pontada da velha Brooke, aquela apaixonada, divertida, sexy, mas isto durou pouco, pois sua melhor amiga Peyton, tratou logo de jogar um “balde de água fria” na paixão da amiga. Lucas pede Peyton em casamento no mesmo lugar em que as primeiras palavras entre eles foram trocadas. Nathan novamente nas quadras. É muito bom vê-lo jogar novamente. E uma conversinha entre Brooke e Lucas, que se tornaram muito raras nesta temporada, já foi o suficiente pra a saudade aumentar, eu gosto de ver eles juntos, não necessariamente como casal, porque eles são ótimos como amigos também.

Dan, depois do seu desaparecimento, ressurgiu, e eu gostei muito, e eu acho que Nathan também gostou, porque ele pareceu um pouco tocado com o apoio do pai. E Jamie como sempre lindo, ligando para o técnico pedindo para que o pai tivesse sua chance na quadra. Lucas e Julian não conseguiram se identificar com nenhum dos diretores para o filme, o que acabou em uma boa surpresa, o retorno de James Van Der Beek, que dá um brilho a trama, e agora como diretor oficial do filme, com certeza irá nos proporcionar ótimas risadas. Eu estava lendo uns comentários no Orkut, e vi que o novo casal Brooke e Julian tem toda a simpatia dos fãs. E também é opinião que Mia e Chase ocuparam o posto de casal mais chato.

Nota: 8,6

Advertisements

0 respostas a One Tree Hill (6.15) – We Change, We Wait

  1. Eu achei o episódio um pouco enrolado, mas ver OTH é sempre bom 🙂

  2. Mary diz:

    Realmente já estava em tempo de Brooke se envolver sem receios com alguém e ainda acho que Peyton tem sido uma “amiga” bem meia boca…
    Pq venhamos e convenhamos que Brooke sempre teve ali msm qdo ela tava despedaçada por dentro.

    E claro OTH eh tem três pilares cruciais que sustentam a série: Brooke,Jamie e as citações de cada episódio.

    Nao me surpreende ver news que o Chad talvez nao volte mais, pq venhamos e convenhamos ele para um protagonista principal deixa bem a desejar, assim como o Tom Welling em Smallville. A falta de carga dramatica desses dois eh assustadora!

  3. Manola diz:

    Mary, já vi também comentários a respeito do Chad sair e também acho que ele deixa a desejar em suas interpretações. Mas eu não consigo imaginar OTH sem o Lucas…

  4. telmo diz:

    desde k o o james lucas scott nao sai ta tudo bem xD e tmeos smepre OTH no seu melhor xD

  5. Matheus diz:

    Também adoro o Jamie 😉

    Essa quinta temporada de One Tree Hill está ótima;
    A única coisa ruim é o casalsinho Mia e Chase.

  6. Concordo com a Manola, nao consigo imaginar OTH sem Lucas Scott

  7. Dark Time diz:

    Concordo plenamente com as opiniões do Orkut, Julian e Brooke é um casal com que me identifico muito, gosto bastante de ambos e eles têm bastante quimica. Mia e Chase…..bem não estão a fazer grande coisa na série, não sei porquê os trazer de volta!
    Adorei também ver a antiga Brooke de volta! A personagem que ela tinha ao inicio foi-se perdendo ao longo das temporadas, mas isso deu lugar para uma Brooke mais madura, mais adulta.
    Gostei de ver Peyton querer o anel de Keith e Jamie a ligar para o treinador, pelo menos serviu de algo e Nathan ainda pôde fazer uma assistência. Tenho notado que Skills e Deb, à semelhança de Dan, nao têm aparecido muito.
    Estou a torcer por Julian e Brooke!

  8. Manola diz:

    Dark Time, bem lembrado, Deb e SKills tomaram um chá de sumiço 🙂

  9. Alessandra diz:

    Não dá para imagina OTH sem Lucas, acho queele é um pilar da serie. É atraves dele que a maioria dos relacionamentos e conflitos se dão.
    Uma coisa que fiz logo depois de ver os episódio, e dei muita risada depois que li esse review, foi rever toda a primeira temporada. Acho que esse episódio realmente nos remeteu ao passado, quando as relações ainda estavam sendo construidas. Foi gostoso rever e ver como os personagens evoluiram.
    Jamie ligando para o Tecnico foi a sacada desse episódio. Lindo demais! Lembrando-me pq gosto tanto de OTH, pelo detalhes!
    Comentei em uma comunidade do orkut e vou colocar aqui tb: não gostei de ver Peyton se entrometendo no relacionamento de Brooke e Julian: pessoas diferentes, relacionamentos diferentes. Entendo os motivos da personagem, mesmo assim parece que ela estava com um pouco de ciúmes.
    Estou com medo dos próximos episódios, pois OTH é um drama e é muito provavel que outro conflito apareça.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: