Flashpoint (2.04) – Between Heartbeats

flashpoint-204Todas as acções acarretam reacções. O que decidimos no passado reflectir-se-á no futuro. Poderão ser as certas no momento, mas poderão ter consequências drásticas no futuro. Podia-se resumir assim o quarto episódio de Flashpoint, o melhor episódio desta segunda série. Quem está esquecido do primeiro episódio da primeira temporada de Flashpoint, eu aqui recordo. Trata-se de um sequestro numa praça pública, tendo Ed, para acabar com este caso, disparar sobre o sequestrador, provocando a sua morte. Passados 12 episódios, temos agora a tentativa de assassinato sobre Ed, pois o filho do morto não está satisfeito por Ed ter safado, sem nenhum processo, à morte do pai.

Mas se o filho parecia inofensivo, fomos percebendo durante o episódio que se trata de um snipper profissional, com um alto grau de precisão. Esta experiência faz com que se sofram algumas baixas na polícia. Mas tudo fica resolvido quando Sam utiliza a mesma maneira que Ed utilizou para “neutralizar” o pai, para também “neutralizar” o filho. Mas o caso não foi tão rectilíneo, pois ainda tivemos alguns problemas durante ele (problemas esses que não ficaram resolvidos neste episódio). Jules fica ferida quando o assassino dispara sobre ela, o que deixa a equipa em choque. Pelo final do episódio parece bem, mas é mais uma coisa a se ver no próximo.

Por último de referir a excelente montagem inicial, fazendo-nos pensar uma coisa que não iria acontecer. E assim se resumiu mais um muito bom episódio de Flashpoint, onde tivemos acção, drama e suspense durante 45 minutos, que foram bem passados.

Nota: 8,9

Anúncios

0 Responses to Flashpoint (2.04) – Between Heartbeats

  1. Thiago diz:

    A desculpa do tiro foi otima pois a Amy Jo Johnson (Jules) está de licença maternidade…

    Ela pediu para sair temporariamente da série… e ai eles inventaram o lance de ela ser baleada!

    Otimos roteristas, atores, produção, iluminação..

    Flashpoint é 10!

  2. Thiago, obrigado pela informação. Eu ainda não sabia, e agora começam a encaixar as peças…Assim já fica explicada porque ela foi baleada. E ficam aqui desejadas, neste mero espaço, felicidades para a Amy Jo Johnson.

    Cumprz e de novo obrigado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: