Lie to Me (1.07) – The Best Policy

Março 20, 2009

lie-to-meEu sempre vi Lie to Me como uma série com enormes possibilidades de não cair na monotonia dos policiais. E tanto o episódio anterior, quanto este, vieram-me dar razão, pois pouco tiveram de policial. Tiveram a caça à mentira, a busca incessante pela verdade. Temos um episódio que só Lie to Me nos consegue trazer, pois é das poucas séries que não precisa de homicídio para construir 45 minutos de televisão. E se Lie to Me consegue mudar no tipo de caso, também mudou em outros aspectos. O primeiro foi as equipas. Regressa a dupla Foster/Eli e Cal/Ria. Depois temos o episódio muito bem dividido, sendo difícil distinguir o caso principal do secundário. Isto deveu-se à abertura, que pertence ao caso de Foster, e a presença de Cal no outro caso.

Mas para efeitos deste review vou considerar que o caso principal pertenceu a Foster/Eli (também merecem). E começando por este. O Iémen é um país perigoso para andar com drogas, pois este transporte é punido com pena de morte. É nesta situação que são apanhados Nicole e Marcus, e é nesta encruzilhada que o governo norte-americano fica. O problema é que Nicole é espiã, o que torna um perigo estar refém de iemenitas. Então porque que o grupo de Dr.Cal é chamado? Pois o governo americano não tem a certeza das verdadeiras exigências dos iemenitas, o que torna a negociação complicada. Por isso Foster e Eli são recrutados para o caso. O caso teve um bom desenvolvimento, mas o mais interessante foi Foster a procura da justiça, e não unicamente do que para foi contratada. Lá se chega a um acordo, com Nicole e Marcus a voltarem à terra natal.

Na parte que tocou a Cal e Ria, temos um caso que envolve emocionalmente Dr.Lightman. Jeffrey é um dos poucos amigos verdadeiros com que Cal pode contar, mas este está com um problema. Trabalhando no ramo da farmacêutica, a espionagem industrial é constante, e Jeffrey quer saber quem roubou uma fórmula de um novo medicamento. Mas este problema é como o trampolim para o salto em si. Cal, ao investigar, e após descobrir quem passou as informações, descobre o verdadeiro problema sobre o medicamento: este está a causar mortes. Também foi interessante ver a protecção que Cal faz a Jeffrey, demonstrando-se aqui que Cal também é humano quando é necessário. Claro que a mentirosa é apanhada, Jeffrey é salvo da pena de prisão, e tudo fica feliz.

Fica? Claro que não. É neste episódio que temos de novo a chegada do marido de Foster, e a sua tendência para a mentira. Já falei da “cegueira” demonstrada Foster quando se fala do seu marido, mas esta cegueira não passa para o resto da equipa. Tanto Lightman como Torres não caem nas mentiras do marido. E é interessante que Cal é mesmo amigo dos seus amigos, ao ir tentar descobrir com quem dorme o marido de Foster. E a cena final é muito interessante.

Foi um episódio razoável, pior que o último. Cansa um pouco ver episódios destes em séries que estão agora a começar, mas também não se pode pedir muito, quando a maior parte das séries parece estar em abstinência.

Nota: 8,3


Promoções Fnac: House a 20€

Março 20, 2009

house-md-1480

A Fnac tem em promoção as três primeiras temporada de House. A série que normalmente costuma estar pelos 40 euros por temporada, está a metade do preço, por apenas 19,99€ cada. Realmente é de admirar uma promoção destas vinda de uma das empresas de DVDs (e outras coisas) mais caras que conheço. Só comprei uma vez por lá e foi para sortear. Enfim, uma boa oportunidade para aqueles que querem coleccionar a série do médico mais antipático e inteligente da televisão. Infelizmente, outras séries continuam com preços abusivos, como o caso de Lost, que nunca desce e está sempre pelo 49 euros por temporada. Infelizmente, os DVDs de séries em Portugal são muito caros e os locais que eu recorro mais são o Amazon UK, com preços de sonho, mas com edições sem legendas em Portugal e o MIAU, onde estão disponíveis, para leilão ou compra, várias séries, assim como filmes (algumas novas e outras usadas).

5050582459814DR. HOUSE – TEMPORADA 1 – COMPRAR

O Dr. Gregory House é um médico brilhante, com muito mau feitio, mas que é também um viciado em analgésicos, que toma por causa das dores de um acidente vascular, gostando de ver telenovelas, não confiando nos doentes e tendo o péssimo hábito de dizer sempre aquilo que pensa. House lidera uma equipa de jovens e brilhantes médicos de várias especialidades que fazem uma corrida contra-relógio procurando identificar as doenças que afectam os doentes que acorrem à clínica. Bem escrita e interpretada, a série ganha, no entanto, uma dimensão cativante e inovadora graças ao brilhante desempenho de Hugh Laurie, no papel do exasperante mas genial Dr. House.

5050582466584DR. HOUSE – TEMPORADA 2 – COMPRAR

Premiado pelos Golden Globes® Hugh Laurie está de serviço na pele do sardónico Dr. Gregory House nesta Segunda Série do mega sucesso House, a mais inteligente e provocativa série dramática da televisão. Esta colecção de 6 discos inclui todos os 24 episódios inovadores, material de bónus exclusivo e alguma das mais brilhantes estrelas da actualidade, com Sela Ward, Ron Livingston, LL Cool J e Cynthia Nixon. Tome parte nesta equipa perita em resolver mistérios da medicina à medida que House e o seu pessoal vão assumindo casos difíceis nesta série ora hilariante ora comovedora mas sempre fascinante.

5050582521436DR. HOUSE – TEMPORADA 3 – COMPRAR

Gregory House é um médico tão brilhante quanto de temperamento irascível e confrontativo, que devido a um problema de saúde é viciado em analgésicos. House trabalha numa clínica especializada, que frequentemente trata doentes compatologias enigmáticas, onde chefia uma equipa de jovens e brilhantes médicos, de várias especialidades, que fazem corridas contra–relógio, procurando identificar as doenças que afectam os doentes que aí acorrem.


Lançamentos em DVD: Últimas novidades (Março)

Março 20, 2009

star

Nesta nova secção do Portal de Séries, eu e o Aguerra vamos tentar manter-vos informados quanto aos lançamentos de séries em DVD no nosso país. Possivelmente esta rubrica também se vai aplicar ao Brasil nos próximos tempos, por isso, visitantes brasileiros, fiquem atentos. Neste primeiro artigo pós mudança de layout, estão disponíveis algumas informações sobre os lançamentos mais recentes (mês de Março).

Lançamento: 4 de Março
Preço: 34,99€
Comprar: Fnac

Características do DVD:
Discos:
N.º de Episódios: 15 Episódios
Duração: 374 minutos
Extras:

  • Veja o episódio piloto com os comentários da actriz Christina Applegate e os produtores executivos Donald Todd e Peter Traugott
  • Apanhados com Samantha
  • Cenas Eliminadas

Especificações Técnicas do DVD:
Idiomas: (Dolby Digital 5.1) Inglês (2.0) Italiano
Legendas: Português, Inglês, Inglês para deficientes auditivos, Espanhol, Italiano, Norueguês, Dinamarquês, Sueco, Finlandês, Islandês e Holandês.
Imagem: 16×9 Aspect Ratio: 1.78:1

Lançamento: 19 de Março
Preço: 29,99€
Comprar: Fnac

Características do DVD:
Discos: 3 (DVD9)
Duração: 484 minutos
Extras:

  • Comentário Áudio em episódios seleccionados;
  • Featurette “Video Yearbook”;
  • Apanhados no Happy Hour e Mais!.

Especificações Técnicas do DVD:
Idiomas: (5.1) Inglês, (2.0 Surround) Italiano, Alemão (2.0) Comentário.
Legendas: Português, Inglês, Italiano, Alemão.
Imagem: 4×3 Anamórfico; Aspect Ratio: 1.33 F

Lançamento: 18 de Março
Preço:
Comprar:

Características do DVD:
Discos: 4
N.º de Episódios: 10 Episódios
Duração: 485 minutos
Classificação: M/16
Extras:

  • Cenas adicionais com comentários opcionais;
  • Documentários: “O Filho de Saturno”, “Dois Realizadores” e “Franka Potente”

Especificações Técnicas do DVD:
Idiomas: Dolby Digital Stereo Inglês e Castelhano
Legendas: Português, Inglês e Castelhano
Imagem: 16×9 Aspect Ratio: 1.78

Lançamento: 19 de Março
Preço: 39,99€
Comprar: Fnac

Características do DVD:
Discos: 6 (DVD9)
Duração: 924 minutos
Classificação: M/12
Extras:

  • Comentários Áudio em Episódios Seleccionados Pelo Realizador e Elementos da Equipa
  • Featurettes: “Secret Files Of The SGC – Enhanced Visual Effects”, “The Stargate Universe”, “Alien Species: Friend & Foe”, “SGC Personnel Files”, “Colonel Jack O’Neil”
  • Trailers
  • Spots do Fan Club
  • Antevisão da Quinta Série (Gateway To Adventure)
  • Featurette: “SG1 Video Diary – Teryl Rothery”
  • Featurette: “Comemorativa do 100º Episódio”
  • Featurette: “Inside The Tomb”
  • Galeria de Fotografias da Quinta Série
  • Trailer de Lançamento da Quinta Série

Especificações Técnicas do DVD:
Idiomas: (5.1 S) Inglês. (2.0 DD) Comentário.
Legendas: Português, Inglês, Dinamarquês, Finlandês, Norueguês, Sueco.
Imagem: 16×9 Anamórfico; Aspect Ratio: 1.78 FF

Nota: Estas informações foram retiradas do blog DVD Nacional com devida autorização. Lá encontram-se mais informações, assim como mais imagens dos DVDs.


Josh Schwartz fala sobre o futuro de Chuck

Março 20, 2009

chuck-21Com a chegada dos finais de temporada chega o pior receio das séries, o cancelamento. Chuck é daquelas que está na corda bamba, mas Josh Schwartz, também criador de The OC e Gossip Girl, está confiante sobre a renovação da série do nerd preferido das séries. Numa entrevista a Kristin dos Santos, Schwartz falou, para além da renovação, em algumas participações especiais que ocorreram nos próximos episódios e ainda teve tempo para falar do horário da série, onde Chuck tem pela frente The Big Bang Theory, House, How I Met Your Mother e o reality show Dancing With the Stars. Tudo pesos pesados. Consultem a entrevista em baixo.

Kristin: Existem rumores que o segredo de Chuck será descoberto no final da segunda temporada. Confirmas?

John: É verdade. Estamos a fazer mudanças arrojadas para o final de temporada. Para além disso, Scott Bakula é maravilhoso, Chevy Chase é muito divertido, e nunca o viram interpretar uma personagem como esta. Por último Tricia Helfer é muito, mas mesmo muito, sexy, conforme podem confirmar nas próximas semanas. Os últimos dois episódios serão maravilhosos.

Kristin: E conseguirá Chuck ganhar uma terceira temporada?

John: Estou optimista. A emissora adora a série, mas nós estamos num competitivo horário de televisão. E o que eu hei-de fazer em relação a isto? Estar com esta concorrência é um desafio.


Audiências EUA: Smallville desce; Supernatural sobe

Março 20, 2009

smallville

AUDIÊNCIA DE QUINTA-FEIRA, 19 DE MARÇO DE 2009

Mais uma quinta-feira se passou e a CW já não é o que era. Smallville, depois da terrível escolha dos argumentistas em transformar a Lana numa super-heroína, desceu vários milhares e agora nem sequer consegue chegar à marca dos quatro milhões e está, praticamente, com a mesma audiência de Supernatural. Supernatural também já esteve melhor no início da temporada, mas mesmo assim conseguiu subir em relação ao episódio passado. Os dramas médicos Grey’s Anatomy e ER continuam a ir bem, mesmo assim esperava mais audiência desses últimos episódios de Serviço de Urgência.

Canal Programa Viewers Live+SD (000) 18-49 Rating 18-49 Share 18-34 Rating 18-34 Share
20h
FOX

Bones

9,405

2.8

9

2.2

8

CBS NCAA Basketball 9,360 3.2 10 3.1 11
ABC Ugly Betty 7,282 1.9 6 1.7 6
NBC My Name is Earl 6,417 2.4 8 1.8 6
UNI Cuidado con el Ángel 4,124 1.5 5 1.6 6
CW Smallville 3,116 1.3 4 1.4 5
20h30
FOX Bones 10,983 3.2 9 2.6 8
CBS NCAA Basketball 10,193 3.6 11 3.2 11
ABC Ugly Betty 7,827 2.2 6 2.0 7
NBC The Office (repeat) 4,644 2.0 6 1.8 6
UNI Cuidado con el Ángel 4,627 1.8 5 1.9 6
CW Smallville 3,462 1.5 4 1.6 5
21h00
ABC Grey’s Anatomy 14,056 4.8 12 4.4 13
CBS NCAA Basketball 11,070 4.0 10 3.4 10
NBC The Office 7,953 3.9 10 4.4 12
FOX Hell’s Kitchen 7,348 3.1 8 2.8 8
UNI Mañana Es para Siempre 4,951 2.0 5 2.2 6
CW Supernatural 3,359 1.3 3 1.3 4
21h30
ABC Grey’s Anatomy 14,666 5.1 13 4.6 13
CBS NCAA Basketball 9,441 3.5 9 3.1 9
FOX Hell’s Kitchen 7,756 3.5 9 3.1 9
NBC 30 Rock 7,018 3.2 8 3.1 9
UNI Mañana Es para Siempre 5,058 2.2 5 2.3 6
CW Supernatural 2,930 1.1 3 1.1 3
22h00
ABC Private Practice 10,796 3.9 10 3.4 10
NBC E.R. 9,276 3.3 9 2.3 7
CBS NCAA Basketball 8,632 3.4 9 3.1 9
UNI Rosa de Guadalupe 3,723 1.5 4 1.7 5
22h30
NBC E.R. 9,644 3.3 9 2.4 7
ABC Private Practice 9,268 3.3 9 2.8 9
CBS NCAA Basketball 7,798 3.2 9 2.9 9
UNI Rosa de Guadalupe 3,857 1.5 4 1.7 6

Fonte: TVbytheNumbers


Supernatural (4.16) – On the Head of a Pin

Março 20, 2009

cac430a68a242891224f85ed2dd18201

Depois de ver este episódio não tenho dúvidas que Supernatural é uma das séries mais bem conseguidas da actualidade. Se o ‘Death Takes a Holiday’ – episódio anterior – já tinha sido bom, o desta semana foi nada mais, nada menos, que perfeito. Sim, ‘On the Head of a Pin’ é um episódio com um início fabuloso, um meio electrizante e um final magnífico. Este foi o meu episódio favorito desde o final da segunda temporada, ou seja, em duas temporadas, não teve, para mim, algo tão bom como o que acabei de ver.

O episódio tem início com a descoberta de Castiel de mais um anjo morto por supostos demónios. Enquanto isso, Dean e Sam regressam do funeral de Pamela, aquela mulher que morreu no episódio passado e que deixou uma estranha mensagem a Sam. Uriel regressa a mais um episódio e em conjunto com Castiel, conseguem que o Dean vá ajudá-los a descobrir que é que está a matar o anjos, isso porque Alastair está preso e Dean, como seu aprendiz, sabe as suas fraquezas e pode fazê-lo falar. Ou não…

sn416a-1570b72074f4bt3Pois, não foi o Dean que o conseguiu, mas sim Sam que está cada vez mais perigoso. Após mais uma conversa com Ruby, Sam toma a decisão que vai-lhe afectar para sempre: beber sangue de demónio. Nós sabemos que ele quando era bebé tomou uma gotas do demónio dos olhos amarelos, mas daí a ter vontade própria para fazê-lo vai um grande passo, passo esse que demonstra a maturidade com que Supernatural está neste momento. A tortura de Dean e Alastair afectou ambos. Enquanto que Dean torturava fisicamente o demónio para este falar a verdade, Alastair torturava Dean psicologicamente com uma revelação que arrasou o Winchester completamente: foi ele que quebrou o primeiro e necessário selo. Se ele tivesse se aguentado mais anos e não tivesse torturado ninguém, essa guerra nunca poderia ter sido possível.

Ficámos também a saber que o John, pai dos irmãos, aguentou cem anos sem nunca ceder aos pedidos de tortura do Alastair. Interessante ver que o John continua a ser mencionado e espero mesmo que o Jeffrey Dean Morgan regresse na quinta e última temporada. Após 30 minutos de grande adrenalina, emoção e jogos psicológicos, descobrimos que é o Uriel que andava a matar os anjos, anjos esses que não aceitar desobedecer a Deus. Castiel não concorda com Uriel e quase é morto por este, acabando por ser salvo por Anna, que regressa depois de se ter ido embora no episódio 10. Ela tenta, sem sucesso, que Castiel siga o seu caminho com ela.

fc7bf023763c6b3d73432d1a7e7a2e2cNessa história toda dos anjos ainda tivemos algo mais interessante que tudo o resto: na conversa entre Castiel e Uriel, percebemos que algo está mal do Céu e que talvez Deus já nem esteja lá. Estaria Lúcifer já a dar ordens? É uma boa possibilidade. Tudo agradou-me neste episódio, foram quarenta minutos que se passaram numa velocidade tremenda. Jensen Ackles é um dos melhores actores da sua geração e mais uma vez mostrou o porquê de eu dizer isso. As suas expressões aquando a tortura e, principalmente, quando sabe que foi ele que começou o Apocalipse são magníficas. O resto do elenco também esteve muito bem, assim como os cenários, a forma como a câmara acompanhava as cenas, a banda sonora, tudo! Quem me dera que todos fossem assim e, infelizmente, o próximo parece que vai ser um filler.

Nota: 10

NEXT TIME ON… SUPERNATURAL


24 (7.10) – 05pm-06pm

Março 20, 2009

portalNo episódio 7.10 – 05pm-06pm, vimos que Dubaku (Hakeem Kae-Kazim) perdeu todas as chances de chantagear a Presidente Taylor (Cherryl Jones), após ordenar que seus homens matassem Henry Taylor (Colm Feore), e por isso resolveu fugir do país juntamente com Marika (Enuka Okuma). Só que ao saber que ela havia sido coagida pelo FBI, Dubaku conversou com ela e aparentemente a convenceu a ir embora com ele. Jack (Kiefer Sutherland) e Renee (Annie Wersching) foram detidos pela polícia local e por isso perderam contato com Marika, mas com a ajuda de Larry (Jeffrey Nordling) e Chloe (Mary Lynn Rajskub) eles conseguiram alcançar o veículo onde estavam Dubaku e Marika. Para evitar que Dubaku se distanciasse novamente, Marika o atacou dentro do carro e fez com que o carro capotasse, dando tempo para Jack e Renee chegarem ao local para finalmente capturarem Dubaku. Esse ato de Marika foi muito importante para que Dubaku fosse preso, mas teve um alto custo também, pois ela não resistiu aos ferimentos e morreu.

Com Dubaku capturado, mas gravemente ferido, e seu marido ainda na sala de cirurgia, a Presidente Taylor foi aconselhada por Bill (James Morrison) e Ethan (Bob Gunton) a retornar para a Casa Branca para sua segurança. Jack confrontou Dubaku para saber dos nomes dos outros envolvidos dentro do governo e ameaçou ir atrás da família dele caso não conseguisse os nomes. Foi dessa forma que Jack conseguiu um chip, escondido debaixo da pele de Dubaku, que foi enviado ao FBI para que Chloe descobrisse os nomes de todos os envolvidos nessa conspiração. Renee prometeu a Rosa (Andi Chapman) que cuidaria de Marika nessa missão e por isso ela esteve muito tensa com toda essa situação. E tudo acabou piorando para ela com a morte de Marika, na qual ela viu nos olhos de Rosa no hospital que independente dos esforços que faça, nem sempre é possível cumprir uma promessa. Jack já passou por diversas situações como essa e por isso ele já não deixa transparecer tanto suas emoções como Renee fez com ele no hospital. Ela estava muito triste e chorando muito, chegou até mesmo a dar dois tapas em Jack, algo que ele não está muito acostumado em aceitar, mas devido a situação que ela vem passando nesse dia ele compreendeu e apenas a confortou.

Descobrimos também que Sean (Rhys Coiro) tinha mais uma pessoa dentro do FBI que sabia dos planos de Dubaku, e como já suspeitávamos essa pessoa era Erika (Ever Carradine). Com a captura de Dubaku e a descoberta desse chip, Sean mostrou todo o seu lado egoísta ao usar Érika para invadir o sistema e formatar todos os computadores do FBI. Chloe baixou os dados do chip e momentos depois todos os computadores começaram a terem seus arquivos deletados. Após tudo isso, Sean simplesmente matou Erika à sangue frio e tentou fazer como se ela fosse a culpada de tudo, só que ele não contava com as habilidades da melhor analista que o governo poderia ter durante essa crise, e Chloe conseguiu recuperar os dados e descobriu que Sean estava envolvido e fosse preso antes de escapar do prédio.

De volta a Casa Branca, a Presidente Taylor e sua filha Olívia (Sprague Grayden) tem um relacionamento muito difícil e ainda precisarão encontrar uma maneira de resolver isso. Após Bill informar a Presidente sobre a descoberta dos envolvidos na corrupção dentro do governo e sobre as prisões que estão sendo feitas, ele pede a ela que ajude Jack em sua situação com o processo que está correndo contra ele e para que isso aconteça, ela convoca o Senador Mayer (Kurtwood Smith) até a Casa Branca para conversarem sobre Jack. Quando todos pensavam que essa era o fim das ameaças e da conspiração dentro do governo, eis que surge novamente Tony Almeida (Carlos Bernard) e diz a Jack que o perigo ainda não acabou, já que um ataque está prestes a acontecer em Washington e será feito pelo próprio General Juma (Tony Todd) em algum ponto de grande repercussão. O que será que o General Juma está planejando fazer nos EUA? Qual será o alvo a ser atacado por ele? O quanto Ryan Burnett (Eyal Podell) está envolvido nessa trama?Jack conseguirá juntar provas suficientes para evitar essa mais nova ameaça? Um dos grandes desafios de Jack Bauer e do governo dos EUA está para surgir e poderá trazer conseqüências catastróficas.

Nota: 9.2