Grey's Anatomy (5.17) – I Will Follow You Into The Dark

greys-17Desculpem o atraso nos reviews de Grey’s Anatomy, mas ausentei-me do país e apesar de ter ido para o país das séries, apenas vi um episódio de Scrubs na televisão americana. Depois de um episódio emotivo, em que vemos um Derek chegar ao fim do poço, culpabilizando-se veemente pela morte da sua paciente, descarregando a raiva em Sloan e a frustração na bebida. Esperávamos ver um Derek mais conformado e disposto a dar a volta por cima neste episódio, mas o acontecimento marcou-o de tal maneira que este coloca em cima da mesa a hipótese de abandonar a carreira de cirurgião. E nada o parece ajudar, depois de ser processado e acusado de ter causado a morte da sua paciente este é confrontado com um saldo negativo entre as pessoas salvas e as pessoas mortas. Mesmo Meredith está longe de o conseguir ajudar, depois de mais uma tentativa e de lhe ter revelado que tem conhecimento da aliança, Derek reage mal acabando por atirar a aliança para a floresta.

Quem parece que também anda perdido é o chefe, depois de perder o neurocirurgião e de Bailey ter optado pela carreira pediátrica, situação que o chefe nunca aceitou de bom grado. Este perde a razão em pleno bloco operatório ao gritar, ordenar e aclamar a chefia do hospital perante uma Bailey e todo um bloco operatório boquiaberto. Uma personagem que me surpreendeu pela positiva neste episódio foi Izzie, depois de toda a história absurda com o Denny, a personagem parece ter entrado nos eixos e tem-se dedicado a descobrir o que realmente há de errado consigo. Com a ajuda dos internos Izzie consegue descobrir o seu problema de saúde e consegue lidar relativamente bem com a situação. Izzie tem um melanoma que já atingiu cérebro e fígado, tendo como prognóstico alguns meses e 5% de probabilidade de sobrevivência. Existem rumores sobre a saída de Izzie, será que este será mesmo o fim da personagem? Disposta a não lidar sozinha com a situação Izzie resolve recorrer à pessoa dos residentes menos chegada a ela, Christina. Antes da revelação tem uma conversa bastante emotiva com Lexie.

Relativamente aos casos médicos, temos a situação de três irmãos com uma história dramática de cancro gástrico na família dispostos a remover o estômago de modo a evitar a repetição de uma doença que já venceu vezes demais. Mas os sintomas adversos da cirurgia fazem um dos irmãos desistir e rezar para estar nos 25% que não desenvolvem o cancro. Temos também um caso de Beth, que pertence a uma banda e teve uma convulsão em plena actuação. O diagnóstico de epilepsia não se revelou o correcto e devia à persistência de Karev perante um Hunt admirado e uma Arizona contrariada, consegue-se descobrir o que realmente se passa com Beth. Esta sofre de problemas cardíacos que a levam a ter as convulsões, Karev passa de residente inconsequente a herói da história. Outro bom episódio de Grey’s Anatomy que tem mantido o nível nos últimos episódios.

Melhor personagem: Izzie, depois de uma história sem pés nem cabeça, volta a ter um bom drama para desenvolver a personagem e demonstrar a qualidade da actriz.

Melhor momento: Conversa entre Izzie e Lexie, muito emotiva. Afinal de contas as probabilidades são isso mesmo números, a esperança está em acreditar que podemos ser os felizardos que pertencemos aos 5%.

“You say they have choice. They can run away and hide from it, or they can face it. You say they need to be around the people who love them because it’s gonna be the toughest fight of their life and no one should have to do it alone. And then you give them the odds. And even though a 5% survival rate is bad,it’s really bad, you say…” “Screw the odds. People die of the hiccups. My mother died of the hiccups. And survival rate for that is what, 100%? The odds are that she should be alive right now. The odds mean crap. So people should face it,and they should fight.”

Sintam-se livre de comentar e dar as vossas opiniões pessoais.

Nota: 9,0

0 respostas a Grey's Anatomy (5.17) – I Will Follow You Into The Dark

  1. Matheus diz:

    Muita gente sempre odiou a Izzie, mas eu não. E nesse ótimo episódio ela mostrou que a sua personagem ainda é de grande importancia em Grey’s Anatomy, já que nessas últimas duas temporadas Katherine Heigl (Izzie Stevens) e principalmente T.R. Knight que faz O’Malley, estão com praticamente nada de destaque na série. Agora só falta Shonda dar mais valor ao O’Malley, que já teve momentos muito bons na série.

  2. Eu estou a adorar greys anatomy depois da pausa de final de ano. O episódio 5.18 ttmb foi mttttttt bom. welcome back filipa 😀

  3. Filipa Silva diz:

    Thanks Marco, vou tentar postar amanha o review do episódio 18, já o vi mas ainda n me sentei para o escrever, tenho muitas séries em atraso lol

  4. Filipa Silva diz:

    Matheus realmente Izzie é das personagens com fas mais divididos, muitos a idolatram e muitos a acham sem sal, não é nem nunca foi das minhas personagens favoritas, mas neste episódio esteve muito bem gostei da sua história. Relativamente ao O’Malley tem tido cada vez mais tempo de antena e já o vemos regularmente com os outros residentes. Se os rumores se confirmarem esperemos que tenho pelo menos o final merecido.

  5. Gabriel diz:

    Onde está o review de Lost??

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: