Audiências EUA: Cupid praticamente cancelada!

Abril 15, 2009

0000053241_20081110140305

AUDIÊNCIA DE TERÇA-FEIRA, 14 DE ABRIL

Apesar de ter o apoio de Dancing With the Stars, Cupid não consegue bons números e o cancelamento deve ser a opção mais óbvia por parte da ABC. Já Fringe consegue aproveitar o empurrão de American Idol e tanto no demo, como no número de telespectadores, a nova série do J.J. Abrams não desilude. Reaper também consegue números bem razoáveis e tem boas oportunidades de ser renovada para uma terceira temporada.

Time Net Show 18-49 Rating/Share 18-34 Rating/Share Viewers (Millons)
8:00 FOX American Idol 8.2/23 6.2/19 23.48
NBC The Biggest Loser: Couples 3.3/9 2.7/8 8.20
CBS NCIS (Repeat) 2.5/7 1.6/5 13.37
UNI Cuidado con el Ángel 1.7/5 2.0/6 4.48
ABC According to Jim 1.2/4 0.8/3 4.70
CW Reaper 0.9/2 0.9/3 2.05
8:30 ABC According to Jim 1.2/3 0.8/2 4.25
9:00 FOX Fringe 4.5/11 3.3/9 11.50
NBC The Biggest Loser: Couples 4.2/10 3.4/9 9.95
ABC Dancing With the Stars Results 3.4/8 2.5/7 14.76
CBS The Mentalist (Repeat) 2.4/6 1.5/4 12.10
UNI Mañana Es Para Siempre 2.0/5 2.3/6 4.99
CW 90210 1.2/3 1.8/5 2.13
10:00 CBS Without a Trace 3.0/8 2.0/6 13.17
NBC Law & Order: SVU (Repeat) 2.4/6 2.3/6 6.50
ABC Cupid 1.8/5 1.4/4 6.60
UNI Aquí y Ahora 1.5/4 1.5/4 3.711

Fonte: TVbyNumbers


Chuck (2.19) – Chuck Vs. The Dream Job

Abril 15, 2009

chuckÉ difícil classificar Chuck. Cada episódio tem um conteúdo próprio, cada um pode ser classificado com um género que se sobressai mais. Ao fazer um salto pelo IMDb vê-se que a série é classificada pelos seguintes itens: Acção, Comédia e Drama. Ao ver este episódio apetece-me colocar mais um: Familiar. Com o final do episódio anterior que prometia muito, o episódio desta semana não vem desiludir. Não foi daqueles de encher o olho, pois a carga principal dos episódios de Chuck, o humor, não esteve tão presente, mas foi um episódio que serviu para atar (bastantes) pontas soltas. Um episódio normal para esta segunda temporada de Chuck.

Seria uma grande surpresa o pai de Chuck não aparecer neste episódio. Com o final do último episódio era necessária muita inteligência (ou burrice, depende da perspectiva) para dar a volta a situação. O pai fugitivo de Chuck chega à série para cumprir a promessa que Chuck fez a sua irmã, de ele a levar ao altar para o casamento com Awesome. Mas claro que o pai Bartowski, Steve, teve de ter alguma razão para ser chamado. As pistas foram sendo lançadas durante o episódio, desde a cena do sofá, onde parece que ele teve a ver com tudo o que foi criado até aqui, passando pela informação que possuía, que leva Chuck a ter um flash e a ser utilizado numa nova missão. E para ver que os argumentistas não andam a dormir, o acto singelo da entrega do diploma a Chuck por Sarah vem ganhar aqui uma importância.

Chuck tem um flash sobre uma empresa de informática que vai colocar um novo sistema informático no ar, contendo este um vírus que permitirá afectar a rede global. Esta empresa pertence a Ted Roark, multi-milionário e excêntrico, e Chuck tem a oportunidade de trabalhar num trabalho que sempre foi o seu sonho. Problema dos problemas é quando o rapaz Bartowski tem de se empenhar para que o sistema não seja lançado, após a sua equipa falhar na tentativa de adiá-lo. Claro que a tentativa sai furada, e Chuck perde o seu emprego de sonho e não consegue cumprir a missão. A partir de este acontecimento, a vida de Chuck parece que voltaria ao normal. Mas ao encontrar a semelhança entre os papéis que Orion lhe tinha deixado e a planta do seu ex-emprego decide invadir o prédio sozinho.

Começamos a ver um Chuck que não fica sentado e deixa o mundo girar mas sim que luta por aquilo que mais quer, uma vida normal. Atirar em Casey, vestir-se de espião, enfrentar alguns seguranças. Nada que Chuck não tenha feito (excepto a primeira, se bem me lembro), mas nunca de espontânea vontade. Chuck procura retirar o Intersect da sua cabeça a toda a força, sendo de notar esta mudança de atitude. Mas a surpresa do episódio não seria esta. Steve, que tem assuntos ainda não resolvidos com Ted, resolve enfrentar o seu inimigo. Ao ver o pai rodeado de seguranças, a Chuck não o deixa encurralado, indo a luta.

Mas quando aparece um segurança já conhecido, o pai de Chuck tem de desvendar a sua verdadeira realidade. Orion é o progenitor de “Charles Carmichael”, vendo-se daqui que Chuck já tem a quem sair. Mas o mais interessante é ver a teia que se está a construir a volta de Chuck. A maior parte das pessoas com quem Chuck se dá ou se deu estava envolvido no Intersect, e agora até o seu pai é o co-criador do Intersect. Parece que as pessoas fora da vida de espião se restringem aos insuspeitos Jeff (grande bloqueio na conferência), Lester e o resto pessoal da Buy More, e depois Ellie e Devon. De resto parece que toda a gente tem algo ligado ao Intersect.

Continuando com Orion e Carmichael. O regresso do pai está explicado, assim também como o exílio de tantos anos. O exílio deveu-se ao medo que os filhos sofressem por ele ter sido um dos criadores do super-computador. O regresso foi também devido à família: retirar o Intersect da sua cabeça. E quando este momento estava para acontecer, entra em cena outro membro da FULCRUM. Ted já à muito procurava Steve, para construir outro Intersect, e consegue apanhá-lo quando ele tenta retira-lo do seu filho. O acordo é conseguido e Steve vai com Ted para construir um novo Intersect e o seu filho sai livre. A vida de Chuck regressa ao ponto de início.

Ao saber que a verdadeira identidade do Orion é Steve, a General Beckman deixa com que Chuck, devido a um pedido pessoal, fique, com a sua equipa, com a missão. Chuck fica com a missão para encontrar Orion e também o seu pai. Orion para lhe retirar o Intersect da cabeça, o seu pai para levar Ellie ao altar.
Faltou a Buy More, pouco vista. Mas um episódio assim percebe-se que não era necessária. Foi um episódio de Drama e Acção quase puro, um episódio diferente. E a consequência foi não termos um Chuck com muitos risos, mas sim um Chuck mais sério. Também é necessário, numa altura que a acção tem de evoluir, pois o final está próximo.

Nota: Tenho de começar a ver um episódio de HIMYM antes de Chuck.

Nota: 8,9


Audiências EUA: House desce mais uma vez!

Abril 15, 2009

house_md

AUDIÊNCIA DE SEGUNDA-FEIRA, 13 DE ABRIL

Na temporada 2007/08, House foi uma das séries com maior audiência, com 16 milhões de telespectadores por episódio (em média). Contudo, a irregular quinta temporada fez com que quatro milhões de americanos desistissem da série até ao episódio de ontem, que marcou mais uma descida. Essa descida pode ser explicada pelo polémico suicídio de Kutner (eu não vi porque desisti de House a metade da temporada) ou porque os fãs estão fartos do típico caso da semana. Por outro lado, tanto Heroes, como Chuck, conseguiram elevar um pouco as audiências e sair da perigosa casa dos 5 milhões.

Time Net Show 18-49 Rating/Share 18-34 Rating/Share Viewers (Millons)
8:00 FOX House 4.5/12 4.1/12 11.84
ABC Dancing with the Stars 4.2/11 3.0/9 18.39
CBS The Big Bang Theory 3.8/11 2.8/9 10.13
NBC Chuck 2.3/6 1.8/5 6.22
CW Gossip Girl (Repeat) 0.4/1 0.5/2 0.99
8:30 CBS How I Met Your Mother 4.0/11 3.4/10 9.56
9:00 CBS Two and a Half Men 5.2/13 3.7/10 14.78
ABC Dancing with the Stars 5.0/12 3.7/10 20.56
FOX 24 3.7/9 3.0/8 10.83
NBC Heroes 3.2/8 3.2/9 6.80
CW One Tree Hill (Repeat) 0.4/1 0.5/1 0.92
9:30 CBS Rules of Engagement 4.0/10 2.5/7 11.57
ABC Surviving Suburbia 2.8/7 2.0/6 10.69
10:00 CBS CSI: Miami 3.8/10 2.9/8 13.33
NBC Medium 2.7/7 1.9/5 7.58
ABC Castle 2.0/6 1.6/5 7.61

Fonte: TVbyNumbers


Audiências EUA: Domingo muito calmo…

Abril 15, 2009

mamet2

AUDIÊNCIA DE DOMINGO, 12 DE ABRIL

O último domingo foi marcado por repetições, ou seja, falta de concorrência. Aliás, a CBS foi a única emissora com episódios inéditos de séries com Cold Case e The Unit. Apesar de ter uma quantidade razoável de telespectadores, o demo de Cold Case é mesmo muito mau. Já The Unit, está quase cancelada pois uma série de acção com elevados custos de produção não pode ter menos de 10 milhões de telespectadores por episódio. Agora resta esperar as decisões de Maio para conhecer o destino destas duas séries policiais.

Time Net Show 18-49 Rating/Share 18-34 Rating/Share Viewers (Millons)
7:00 CBS The Masters overrun 4.1/15 2.6/11 17.12
ABC America’s Funniest Home Videos (R) 1.6/6 1.3/5 5.49
NBC Dateline NBC 1.1/4 0.8/3 5.47
FOX American Dad (R) 0.8/3 0.9/4 1.94
CW Jericho (R) 0.2/1 0.2/1 0.52
7:30 CBS The Masters/60 Minutes 2.6/9 1.6/6 12.26
ABC America’s Funniest Home Videos (R) 2.0/7 1.7/7 6.893
FOX King of the Hill (R) 1.4/5 1.6/6 2.97
NBC Dateline NBC 1.4/5 1.0/4 5.59
CW Jericho (R) 0.2/1 0.1/1 0.63
8:00 CBS 60 Minutes 3.1/9 2.1/7 13.25
ABC Extreme Makeover: Home Edition 2.3/7 1.8/6 7.59
FOX The Simpsons (R) 2.2/7 2.6/9 4.67
NBC Dateline NBC 1.8/5 1.2/4 6.53
CW Movie: Cutthroat Island (R) 0.2/1 0.2/1 1.05
8:30 CBS 60 Minutes/The Amazing Race 2.8/8 2.0/6 10.30
ABC Extreme Makeover: Home Edition 2.6/7 1.9/6 8.61
NBC Dateline NBC 2.2/6 1.3/4 8.02
FOX King of the Hill (R) 2.0/6 2.3/7 4.19
CW Movie: Cutthroat Island (R) 0.3/1 0.2/1 1.33
9:00 ABC Extreme Makeover: Home Edition 3.0/8 2.2/7 9.90
CBS The Amazing Race 14 3.0/8 2.0/6 10.85
FOX Family Guy (R) 2.5/7 3.0/9 5.44
NBC Celebrity Apprentice 2.5/6 1.6/5 6.97
CW Movie: Cutthroat Island (R) 0.3/1 0.1/0 1.45
9:30 ABC Extreme Makeover: Home Edition 3.7/9 2.8/8 11.55
NBC Celebrity Apprentice 2.7/7 1.7/5 7.30
CBS The Amazing Race/Cold Case 2.4/6 1.5/4 9.64
FOX American Dad (R) 2.1/5 2.7/8 4.47
CW Movie: Cutthroat Island (R) 0.4/1 0.2/1 1.60
10:00 NBC Celebrity Apprentice 3.3/9 2.3/7 8.64
CBS Cold Case 2.8/7 1.7/5 11.22
ABC Desperate Housewives (R) 1.6/4 1.2/4 5.09
10:30 NBC Celebrity Apprentice 3.3/9 2.3/7 8.64
CBS Cold Case/The Unit 2.5/7 1.5/5 9.46
ABC Desperate Housewives (R) 1.3/3 0.9/3 4.21

Fonte: TVbyNumbers