Supernatural (4.19) – Jump the Shark

Abril 24, 2009

snapshot20090424225424Existem decisões tomadas pelos argumentistas que podem vistas com bons olhos por uns e odiadas por outros, onde não existe um meio termo. Eu antes achava que o facto de haver um terceiro Winchester teria uma repercussão dessas pelo público (ou se ama, ou se odeia), mas não posso estar mais enganado. Apesar de muitos não concordarem com a minha opinião, para mim essa storyline não é algo de fantástico, mas foi algo que gostei de ver retratado na série, principalmente pela construção do episódio em si.

Imaginem que estão a descansar de uma longa viagem e que recebem um telefona a dizer que fala o vosso irmão, um irmão que nunca conheceram na vida nem sabiam de tal existência. O que fariam numa situação dessas? Claro que se vocês fossem a dupla Winchester desconfiariam logo que era uma armadilha e tentavam de tudo para descobrir a verdade, onde havia três hipoteses (aparentemente): ou era um demónio e seria descoberto pela água, ou a prata revelaria um metamorfo, ou ainda poderia ser o verdadeiro irmão deles. No início, acho que toda a gente pensou que era mesmo o rapaz que estava a conversar com eles, mas os argumentistas conseguiram enganar-nos!

Os primeiros trinta minutos serviram para os os protagonistas desenvolverem uma relação com o suposto irmão, colando Dean e Sam de lados opostos, mais uma vez. Adorei quando o Sam disse que o Adam era um Winchester, logo está amaldiçoado para sempre. Uma das coisas que mais adoro na série é a força com que os irmãos lutam pela sobrevivência, obstáculo após obstáculo, sempre saindo vencedores, até mesmo depois de já terem sido mortos, enviados para o Inferno, brutalmente feridos fisicamente e traumas psicológicos. Acho que esse é o tema mais bem explorado desde a primeira temporada (sendo a segunda e a quarta as que mais contribuíram para uma melhor visão dessa força).

Já os últimos dez minutos só podem ser descritos com uma palavra: electrizantes! A cena em que Sam é mutilado é arrepiante e a espera por ser desamarrado é mesmo algo que, se acontece na vida real a alguém, deve ser muito doloroso. A sensação do sangue estar a cair e não poder fazer nada é algo horrível de se imaginar. Gostei da mensagem que o episódio tentou transmitir, pois apesar de ter havido um terceiro irmão, tudo volta ao tradicional, só com Dean e Sam. E que venha agora o episódio 20 que vai novamente trazer toda a história dos anjos, principalmente de Castiel. Estou muito ansioso e com grandes expectativas para esses episódios finais!

Nota: 9,0


Chuck (2.21) – Chuck Vs. The Coronel

Abril 24, 2009

chuck-221Para mim este foi o episódio de Chuck que mais reflectiu a série. A série prepara-se para o final (de temporada, esperemos, mas por este episódio cheira a season finale) e a série nestes últimos episódios deu um pincho (pequeno salto) qualitativo. Sim, leram bem. Pincho, pois a série só deu um salto pequeno, pois era serialmente impossível dar um salto grande.

Como referi, The Coronel foi o episódio que melhor reflectiu o que é a série. Temos de tudo: perseguições, explosões, mortes, Casey (tudo lado da acção); temos amor, amizade, lealdade, Sarah e Chuck (tudo lado sentimental); tivemos Morgan, Emmett, Lester, Jeff, Anna, Big Mike e a Buy More (tudo no lado humorístico, mais esquecido neste episódio). Pouco foi descorado.

O final do episódio anterior deixou-me com muitas expectativas para este. E expectativas são uma coisa que as séries queiram ter de mim. Nada é pior que este sentimento, pois sinto-me frustrado após o episódio ter ficado abaixo do que esperava. Mas Chuck é diferente.

Começamos com a introdução à Black Rock. O casal Charah chega ao presumível destino e encontra uma situação inusual: um terreno baldio. Mas tanto um como outro não fugiram para ver terra batida espalhada. A procura continua. Quem continua a procura é Casey. Isto leva a que ele cometa o seu primeiro erro: deixar-se apanhar no quarto de Chuck. Awesome, uma personagem que subiu na minha consideração após este episódio, começa a desconfiar.

E para quem apoia o casal mais especial da TV das séries que vejo (quem não apoie, por favor comente…) chegou o episódio que vem dar a volta ao texto no casal Charah. Será? Claro que a influência de Morgan é ilimitada, e até para estragar este momento ele está presente. Apareceu-me uma legenda visual quando vi aquele papel que dizia: Fogo! Só podia ser o Morgan. O momento seria dos mais esperados da série, mas com amigos assim quem quer inimigos. Mas a trama tinha de continuar, o episódio tinha de continuar muito bom. Chuck determinado em encontrar protecção e Coronel Casey a impossibilitar esta procura. Com a chegada de Casey junto da sua antiga equipa a trama torna-se mais dramática, com um Chuck a demonstrar que, apesar de sofrer deste problema há muito tempo, a sua lealdade não se deixou abater.

E este feitio costuma leva-lo a más situações. Casey prende a sua equipa e torna a tarefa de Chuck muito mais complicada. Mas Jeff e Lester dão uma ajudinha na fuga, demonstrando muito bem que apesar de existirem dois mundos na vida de Chuck, esses muitos se interligam. A procura continua, agora com Casey de novo à caça e o casal Charah a procura de encontrar Orion. A partir temos surpresas trás de surpresas. Casey a juntar-se a sua equipa, Chuck a sair de novo do carro, o encontro de pai e filho e o mais importante: Chuck consegue retirar o Intersect da cabeça. Mas a vida de Chuck ainda corre perigo: a FULCRUM promete entrar em grande no casamento de Ellie e Awesome, com Ted Roark a mistura.

Falando em Awesome. O rapaz impressiona neste episódio. Eu já previa que o segredo cairia também nas mãos da família, mas não estava a espera de ver ser Awesome a aguentar a notícia. O diálogo com Ellie é uma pérola, e a série não cria personagens secundários que não serviram para nada.

E falta falar da Buy More. O conflito contínua, Emmett continua com a perseguir Big Mike, e é de novo Morgan que serve de marionete para este castigo. Mas Morgan também cresceu, e num sinal de adulto, despede-se/despe-se, numa atitude de um adulto. Claro que o futuro vai passar por lá, mas de outra maneira.

A história começa a finalizar-se. Nota-se que os argumentistas têm medo que a NBC cancele a série e que está não tenha um final digno. Mas assim também terão um problema que resolver: se for renovada, como eu espero, como continuará Chuck a figurar na série. Existem muitas hipóteses que se podem enumerar, mas os argumentistas da série Nerd sabem dar a volta a situação da melhor maneira. De resto, e falando da nota, eu espero um episódio melhor da próxima vez, por isso tenho de pedir ao Marco que abra uma excepção para eu colocar na nota do 2.22: Rebentou com a escala.

Nota: 10


Smallville (8.19) – Stiletto

Abril 24, 2009

snapshot20090424203629Eu não consigo adorar Smallville, mas por vezes é uma série que se vê muito bem, como o caso desse episódio centrado em Lois. Tudo começa quando ela tenta salvar a Chloe e acaba por se tornar numa heroína chamada Stiletto, de modo a aproveitar todos os benefícios que isso lhe poderá trazer: uma primeira página e conversar com o Super Homem (ainda conhecido como Red-Blue Blur – adorei a conversa dos dois no final). Ambas as vantagens foram conseguidas com sucesso, mas para isso ela teve que passar por muita coisa.

Atacado por um grupo de mafiosos da cidade, que produz dinheiro falso, Jimmy é dado como desaparecido e Clark vai a seu auxílio. Contudo, o local onde Jimmy se encontra está com kryptonia e Kent fica logo vulnerável. Mas, para sorte dos dois, Lois está a assistir à cena e decide dar as caras e salvá-los, mas quem salva alguém é Clark (Lois quase que leva um tiro). Gostei da forma como o episódio foi conduzido, pois teve um leve toque de comédia, que eu aprecio muito nas séries. Interessante ver que até a Lois conseguiu uma capa primeiro que o Clark! Venha essa nona temporada para finalmente conhecermos o verdadeiro Super Homem.

Entretanto, a Chloe continua a viver o seu drama com o Davis. Não vai ser fácil escondê-lo na sua casa, principalmente quando esta é muito visitada pela prima e pelo Clark. A três episódios do final de temporada, Smallville está pronto para provar o porquê de ser uma séries conhecida positivamente pelos seus excelentes episódios finais. Para quem não sabe, esse ‘Stiletto’ marcou o recorde negativo da audiência em muito, mas mesmo muito tempo. Nem sei se foi a pior de toda a série, mas das últimos duas temporadas foi de certeza. Apenas 3.05 milhões de pessoas viram o episódio. Para mais informações, consulte as audiências da noite de ontem.

Nota: 8,6


Audiências EUA: Supernatural e Smallville atingem os piores resultados da temporada

Abril 24, 2009

the_cw_svg

AUDIÊNCIA DE QUINTA-FEIRA, 23 DE ABRIL

As duas séries da CW têm sido as piores prejudicadas com as constantes pausas que a emissora arranja. Assim sendo, a audiência de Supernatural e Smallville já não é o que era e ambas desceram uma média de 1 milhão de telespectadores (o que é muito, pois estamos a falar da emissora aberta mais pequena das cinco conhecidas) desde os primeiros episódios até agora. Também Southland e Harper’s Island não conseguiram aguentar e desceram um pouco com o regresso de Private Practice. Nesta quinta-feira de resultados negros, não podia deixar de falar de CSI, que atinge aquele que é, em nove anos, um dos piores (se não o pior) números da série!
.

Time Net Show 18-49 Rating 18-49 Share 18-34 Rating 18-34 Share Viewers Live+SD (Millons)
8:00 CBS Survivor: Tocantins 3.2 11 1.9 7 10.717
NBC My Name is Earl 2.2 7 1.8 7 5.497
FOX Bones 2.0 7 1.4 5 7.724
ABC Grey’s Anatomy (repeat) 1.3 4 1.1 4 4.644
CW Smallville 1.3 4 1.3 5 3.011
UNI Cuidado con el Angel 1.3 4 1.4 5 3.544
8:30 CBS Survivor: Tocantins 3.9 12 2.2 7 12.047
FOX Bones 2.3 7 1.6 5 8.720
NBC Parks and Recreation 2.3 7 2.4 8 5.235
ABC Grey’s Anatomy (repeat) 1.7 5 1.7 6 5.597
UNI Cuidado con el Angel 1.4 4 1.6 5 3.810
CW Smallville 1.3 4 1.3 4 3.099
9:00 ABC Grey’s Anatomy 4.6 12 4.5 13 12.554
NBC The Office 3.7 10 4.0 12 7.213
CBS CSI 3.5 9 1.9 5 14.021
FOX Hell’s Kitchen 2.8 7 2.2 6 6.615
UNI Manana Es para Siempre 1.7 5 1.8 5 4.426
CW Supernatural 1.1 3 1.1 3 2.737
9:30 ABC Grey’s Anatomy 5.2 13 4.9 14 13.881
CBS CSI 3.7 9 2.1 6 14.881
FOX Hell’s Kitchen 3.2 8 2.5 7 7.081
NBC 30 Rock 3.1 8 3.2 9 6.346
UNI Manana Es para Siempre 1.9 5 2.1 6 4.747
CW Supernatural 1.2 3 1.2 3 2.777
10:00 ABC Private Practice 3.6 10 3.2 10 9.748
NBC Southland 2.5 7 2.0 6 8.083
CBS Harper’s Island 2.2 6 1.4 4 8.144
UNI Mujeres Asesinas (premiere) 1.7 5 1.9 6 4.194
10:30 ABC Private Practice 3.1 9 2.8 9 8.719
NBC Southland 2.4 7 1.9 6 7.984
CBS Harper’s Island 1.8 5 1.2 4 6.809
UNI Mujeres Asesinas (premiere) 1.5 4 1.6 5 3.621

Fonte: TVbyNumbers


Sinopses e vídeos: Supernatural (4.20), Smallville (8.20) e Grey's Anatomy (5.21)

Abril 24, 2009

supernatural_420b

A próxima quinta-feira será cheia de surpresas para quem gosta de um bom episódio de qualidade. Das três séries retratadas neste artigo, confesso que Supernatural e Grey’s Anatomy despertam-me mais atenção que Smallville. Estou a adorar o rumo que a série tomou desde que o Ghost Denny foi embora. Quanto a Supernatural, é sempre bom explorar a vida dos anjos.

SMALLVILLE – 8.20 – BEAST

David (Sam Witwer) pede a Chloe (Allison Mack) para esta deixar a cidade com ele. Clark (Tom Welling) descobre que Davis está vivo e confronta Chloe sobre o que ela está a fazer com ele. Oliver (Justin Hartley) apanha Jimmy (Aaron Ashmore) a invadir o apartamento de Chloe, mas as coisas pioram rapidamente quando David sai das dá de si e ataca ambos.

GREY’S ANATOMY – 5.21 – NOT GOOD AT SAYING SORRY

À medida que as preparações para o casamento de Meredith e Derek continua, Izzie recebe uma visita surpresa no hospital da sua mãe, Robbie. Enquanto isso, um novo sóbrio Thatcher visita suas filhas, Meredith e Lexie, de modo a reparar os seus erros, e o Chief e Meredith discutem terrivelmente um controverso caso médico.

SUPERNATURAL – 4.20 – THE RAPTURE

Castiel (Misha Collins) aparece numa sonho de Dean (Jensen Ackles) e diz que tem algo importante para contar, mas que eles precisam encontrar-se num lugar privado. Dean e Sam (Jared Padalecki) saem à procura de Castiel mas acabam por encontrar Kimmy, a forma humana de Castiel, que tem uma vaga lembrança de ter sido um anjo. Jimmy quer voltar à sua família e para sua vida normal, mas Dean e Sam estão preocupados com sua segurança.