Saiba tudo sobre a season finale de Fringe

Maio 6, 2009

8a8b91bd0d922b8a58076df639f70fdf

Ontem foi ao ar nos Estados Unidos o penúltimo episódio de uma das novas séries da temporada com maior sucesso. Com grande confiança por parte da FOX, a série Fringe, que vem mantendo uma audiência sólida, já foi renovada para uma segunda época de 22 episódios. No dia 12 de Maio vai ao ar a season finale desta nova produção de J.J. Abrams (criador de Lost e Alias) e parece que vai ser algo mesmo electrizante. À semelhança do que aconteceu com Smallville, podem conferir a sinopse, vídeo e fotos promocionais de ‘There’s More Than One of Everything’.

SINOPSE:

Guarde o lugar para o dramático e revelador episódio que marca o final da primeira temporada de Fringe. Alguém perto da Divisão Fringe é inesperadamente atacado e o bioterrorista David Robert Jones volta, enquanto que Walter desaparece inexplicavelmente. Encontra-te no meio de mais eventos mistérios a rondar o trio de investigadores ao mesmo tempo que questões são respondidas, observações feitas, lealdades testadas e o já mencionado [SPOILER – SUBLINHAR PARA LER] William Bell é finalmente apresentado em carne e osso [FIM DO SPOILER].

FOTOS PROMOCIONAIS:

VÍDEO PROMOCIONAL:

E tu, estás muito ansioso para ver o que Abrams e companhia nos reserva para o último episódio da temporada? Eu por acaso até estou, porque Fringe tornou-se numa das minhas séries favoritas deste ano, pelo seu constante crescimento ao longo da temporada.

Anúncios

Flashpoint (2.10) – Remote Control

Maio 6, 2009

flashpoint-210A série canadiana anda num nível bom. Com audiências muito boas para uma sexta-feira a noite, Flashpoint foi conquistando o público americano com os seus casos. A mim também me conquistou, mas o feitiço foi desaparecendo. Já não gosto da série como gostava (talvez pela saída de Jules por uns tempos) e a série já não me surpreende. Este foi mais um desses episódios. Foi diferente pois não tivemos logo a chamada da equipa e porque foi mais complexo que o anterior. O nível foi melhor, como se verá pela nota, mas já não tenho aquele fascínio. E séries que não me conseguem surpreender têm a vida curta na minha lista.

Ao ver este Remote Control lembrei-me de ver, um certo dia, um jogador de xadrez fazer dois jogos ao mesmo tempo. Jogar em dois tabuleiros é do mais complicado que existe (não falo por experiência própria, pois nunca joguei, mas num já é complicado) pois temos de adequar as estratégias ao oponente. Agora pensei que os oponentes tem forma de comunicar, e o primeiro jogo influenciará o segundo e vice-versa. Foi isso que se passou no episódio 2.10. Um jogo em um tabuleiro, primeiro, e depois a entrada de outro interveniente. O primeiro é um “sequestro” diferente. Um funcionário do banco recebe o seu meio-irmão, que lhe pede dinheiro para pagar dívidas. A dívida vai aumentando, o que leva a que este meio-irmão “sequestre” o banco. Mas o segundo jogador entra em jogo. A mulher do funcionário está a ser ameaçada, o que leva a que, quando tudo parecia perdido, se dê uma das reviravoltas do episódio. E como um jogo em dois tabuleiros, um tabuleiro vai influenciando o outro, e o episódio ganha uma complexidade. Mas tudo acaba bem, uma coisa normal em Flashpoint, apesar de não ser sempre utilizada.

De resto temos o regresso de Jules. Eu gosto mais dela do que de Donna. Não foi uma personagem que me tenha conquistado. Não fico triste pela sua saída da série, mas ainda teremos momentos em que mataremos saudades dela.

E foi mais um momento bem passado. Não sei até quando aguenta, mas quase de certeza que o final de temporada porá o ponto final da série na minha lista. Tenho pena, mas a série já pouco me cativa.

Nota: 8


Saiba tudo sobre a season finale de Smallville

Maio 6, 2009

sem-titulo1

É já na próxima semana que vai ao ar a season finale (8.22) de uma das séries com mais temporadas ainda no ar: Smallville. Vários pontos vão ser abordados, mas é o embate entre Clark e Davis que vai ser mais explorada, depois de uma temporada de altos e baixos, mas de melhor qualidade que algumas antecessoras. Não perca mais tempo e veja todas as informações e material promocional que o Portal tem para vos mostrar: sinopse oficial, fotos promocionais e o vídeo que vai ao ar amanhã, após a exibição do penúltimo episódio, ‘Injustice’. De lembrar que o episódio chama-se ‘Doomsday’ e será exibido no dia 14 de Maio na CW.

SINOPSE:

CLARK E DOOMSDAY ENFRENTAM-SE – Oliver (Justin Hartley) avisa Clark (Tom Welling) que Davis (Sam Witwer) precisa de ser morto, pois este é uma grande ameaça para ele e deve ser detido. Enquanto que Clark não aceita tornar-se num assassino, o Arqueiro Verde e sua equipa decidem cuidar do problema por si próprios. Entretanto, Chloe (Allison Mack) fica dividida na guerra entre Oliver e Clark sobre matarem o Davis.

FOTOS PROMOCIONAIS:

free image host free image host free image host free image host free image host free image host free image host free image host

VÍDEO PROMOCIONAL:


Upfronts 2009: NBC anuncia quatro dramas

Maio 6, 2009

sem-tituloCom os anúncios de renovações/cancelamentos chegam-nos também o que podemos esperar para o próximo ano em termos de novas séries. A NBC, a emissora, de por exemplo, Heroes, Chuck ou The Office foi a primeira a publicar o calendário do próximo ano. E no calendário contam 6 novas séries. Em termos de comédia, as novas apostas são Community e 100 Questions, já abordadas aqui no Portal. A NBC, para além de The Office, conta no menu com a famosa 30 Rock e a nova Parks and Recreation. Em termos de drama, chegam-nos 4 novas séries: Trauma, Parenthood, Mercy, Day One. Para além dos nomes das novas séries, foi possível conhecer alguns pormenores das séries que, esperemos, venham trazer mais qualidade a TV Americana. Aqui fica uma pequena apresentação das quatro séries de drama.

PARENTHOOD

Com o selo do produtor de Friday Night Lights, Jason Katims, a série promete retratar a vida de quatro irmãos, com as suas preocupações e a sua paternidade a serem os cabeças de cartaz. Em nível de elenco, temos Peter Krause, Maura Tierney, Craig T. Nelson, Dax Shepard, Bonnie Bedelia, Monica Potter, Erika Christensen e Sarah Ramos.

A actriz que já participou em ER, Maura Tierney, traz ao ecrã Sarah Braverman, uma mãe solteira de dois filhos, Amber, interpretada por Mae Whitman, que pode ser vista em In Treatment, e Drew, uma participação do actor Miles Heizer de ER. Sarah tem de regressar a casa dos seus pais devido aos problemas financeiros, e a sua espera estão o seu pai Zeek, uma interpretação de Craig T. Nelson, e a sua mãe Camillie, interpretada pela actriz Bonnie Bedelia. Mas o que Sarah não sabe é que os seus pais atravessam uma crise conjugal, uma crise que tentam manter escondida.

Mas os problemas da série não se ficam por aqui. Os 3 irmãos de Sarah também sofrem de problemas, como qualquer pessoa. Julia, Crosby e Adam, participações de, respectivamente, a actriz Erika Christensen, e os actores Dax Shepard e Peter Krause, percebem, a par do resto da família, que a aproximação da família Braverman é o que é preciso para ultrapassar todos os problemas que vão surgindo pela vida a fora.

Elenco: Peter Krause, Maura Tierney, Craig T. Nelson, Dax Shepard, Bonnie Bedelia, Monica Potter, Erika Christensen e Sarah Ramos.

Vídeo Promocional:

MERCY

Num estilo um pouco já abusado, chega-nos um novo drama médico. Mercy poderá estabelecer-se devido a perspectiva dos médicos que nos dá. Os enfermeiros serão o narrador desta nova série, tendo como protagonista a enfermeira Veronica Callahan, interpretada por Taylor Schilling. O regresso desta enfermeira do Iraque aos USA vem afectar o normal funcionamento do hospital. Isto deve-se a sua experiência, o que faz com que ela perceba mais de medicina que o hospital todo junto.Com a ajuda das actrizes Jamie Lee Kirchner, que podia ser vista em Rescue Me, e Michelle Trachtenberg, de Gossip Girl, que interpretam Sonia Jimenez e Chloe Payne, a série focar-se-á, para além dos casos, na vida social e amorosa do hospital.

No elenco também contamos com James Tupper, que podia ser visto em Men in Trees, que fará de Dr. Chris Sands, que tentará dificultar a vida de Veronica ao máximo. Ainda temos Diego Klattenhoff, de Supernatural que interpretará Mike Callahan, o marido de Veronica e por último Guillermo Diaz, o actor que já participou em Weeds, e que terá a tarefa de trazer o enfermeiro Angel Lopez.

Elenco: Taylor Schilling, James Tupper, Guillermo Diaz, Jaime Lee Kirchner e Michelle Trachtenberg.

Vídeo Promocional:

TRAUMA

Mais um produtor executivo de Friday Night Lights, neste caso Peter Berg, traz-nos Trauma, um drama médico. A série promete ser a primeira a trazer uma visão directa, real do campo de acção de uma das profissões mais perigosas profissões médicas do mundo: paramédicos. Com estes ingredientes, poderemos esperar muita adrenalina proveniente da equipa do hospital San Francisco General, que tem uma equipa sempre pronta para socorrer quem necessitar. Mas as condições onde trabalham não são sempre as melhores, colocando a sua própria vida para salvar a dos outros.

Com um elenco encabeçado por Derek Luke, também poderemos ver Cliff Curtis, Anastasia Griffith, que já participou em Damages, a série da FX, para além Aimee Garcia, Kevin Rankin de Friday Night Lights, e por último Jamey Sheridan, que já teve passou por Law & Order: Criminal Intent.

Elenco: Aimee Garcia, Derek Luke, Kevin Rankin, Cliff Curtis, Jamey Sheridan e Anastasia Griffith.

Vídeo Promocional:

DAY ONE

Após participar em Heroes e Lost, chegou a vez de Day One a carreira do produtor Jesse Alexander. A acompanhá-lo estará o director Alex Graves, que já teve o seu dedo em Fringe ou Journeyman, e os dois tentarão tornar Day One um sucesso. Com uma premissa interessante, ao contar a história da Terra na sequência de uma catástrofe global que destruir o mundo que conhecemos. Teremos a perspectiva dos sobreviventes à catástrofe e a sua tentativa de reconstruir a sociedade. Para além disso, teremos a busca da causa da catástrofe e as esperanças para um futuro melhor. O grupo, que conta com actores como Adam Campbell, Catherine Dent, Julie Gonzalo, David Lyons, tentará sobreviver nas condições mais extremas possíveis e ganhar uma nova perspectiva da vida. Para além dos já mencionados, teremos a participação ainda de Derek Mio, Carly Pope, Thekla Reuten e Addison Timlin. A série só estreia em 2010.

Elenco: David Lyons, Carly Pope, Adam Campbell, Thekla Reuten, Julie Gonzalo, Derek Mio, Addison Timlin e Catherine Dent.

Bastidores:

Texto: Aguerra
Formatação: Marco


The Big Bang Theory (2.22) – The Classified Materials Turbulence

Maio 6, 2009

snapshot20090506132210O episódio 2.22 – The Classified Materials Turbulence conseguiu entreter bem, apesar de não ter sido aquele episódio especial. Vimos mais uma vez a participação de Stuart (Kevin Sussman) tentando conquistar Penny (Kaley Cuoco) e para que nada desse errado como em seu primeiro encontro com ela, ele resolveu pedir uns conselhos para Leonard (Johnny Galecki). O resultado disso foi que no dia seguinte Penny estava muito estranha e não quis falar com Leonard sobre como foi o encontro e ao perguntar a Stuart descobriu que no “meio dos amassos” ela acabou trocando o nome de Stuart por “Leonard”, algo que o fez sair da loja de quadrinhos todo feliz e saltitante. A outra história do episódio mostrou os problemas do banheiro espacial projetado por Howard (Simon Helberg) que foi construído de forma errada e depois de certo tempo ele começaria a “ejetar os dejetos” por toda a espaçonave. Inclusive contando com a ajuda de Sheldon (Jim Parsons) e Raj (Kunal Nayyar), que esteve muito bem nesse episódio fazendo várias piadas e mostrando que a importância do personagem para a série passou a ser maior em relação ao começo da temporada. Howard até mesmo utilizou o bolo de carne feito por sua mãe para realizar os testes de sua privada e o que vimos foi uma verdadeira explosão de dejetos espalhados pelo teto do apartamento de Leonard e Sheldon, que até mesmo se aventurou pelo episódio tentando entender e fazer piadas sobre a situação de Howard. Em síntese, foi um episódio bom com um destaque maior para as cenas de Raj que estava com tudo, mas que no geral não foi um episódio marcante.

Nota: 8,9