24 (7.22) – 05am-06am

snapshot20090525152838Quando pensamos que uma ameaça termina em 24 Horas, é aí que uma nova surge para atrapalhar o dia de Jack Bauer (Kiefer Sutherland). No episódio 7.22 – 05am-06am conseguimos acompanhar o desfecho da situação que envolvia Jibraan (Omid Abtahi), seu irmão Hamid (Rafi Gravron) feito como refém, e a ameaça do cilindro, já que Tony (Carlos Bernard) finalmente deu a localização do alvo, que seria detonado dentro do metrô no centro de Washington. Graças à ação em conjunto de Jack e Renee (Annie Wersching) em campo eles conseguiram capturar Tony, mas o destaque dessa operação vai para Chloe (Mary Lynn-Rajskub) e Janis (Janeane Garofalo), que trabalharam juntas e demonstraram que o temperamento explosivo de ambas é muito legal de se ver em cena e não restam dúvidas de que elas merecem trabalhar juntas novamente na próxima temporada. Contando com a ajuda de Jack, Jibraan encontrou o cilindro dentro do metrô e chegou do lado de fora da estação no exato momento em que as equipes de apoio se aproximaram e assim, graças a Jack, o cilindro explodiu em segurança e acabou com os planos de Tony.

A situação de Jack chegava assim a um desfecho, já que ele havia prendido Tony, conseguiu uma reconciliação com sua filha Kim (Elisha Cuthbert), apesar de negar a ajuda dela para o tratamento, e deu um fim na ameaça da arma biológica. Kim já estava no aeroporto, conversando ao telefone com seu marido Stephen (Paul Wesley), quando percebeu que algo estava errado e sentou-se ao lado de Frank (Don McManus) e Sarah (Mary Page Keller), um casal aparentemente normal que na verdade trabalhava para o grupo de Tony. Quando pensava não ter mais nada para se preocupar, Jack recebe uma ligação de Cara (Amy Price-Francis) mostrando que o grupo dela estava vigiando Kim no aeroporto e ameaçava matá-la caso Tony não fosse libertado da custódia do FBI, sendo assim Jack precisa libertar Tony para evitar que sua filha morra.

Nesse episódio também tivemos a situação de Olívia (Sprague Grayder) se complicando ainda mais por dois motivos: o primeiro está ainda implicado na morte de Jonas Hodges (Jon Voight), na qual mesmo ela mudando de idéia na hora de transferir os fundos o “serviço foi feito” com o aval de Martin Collier (Leland Orser), já que ela pediu que ele cuidasse da situação de Hodges mesmo após tantas tentativas de fazê-la mudar de opinião sobre isso, sendo assim agora o Departamento de Justiça está suspeitando de 11 pessoas que sabiam que Hodges seria transferido naquele momento e fazendo dela suspeita também. O segundo motivo surgiu quando Aaron (Glenn Morshower), desconfiando do comportamento estranho de Olívia nas ultimas horas, liga para Ethan Kanin (Bob Gunton), que retorna nesse episódio, e pede para ele o ajudar a investigar alguns registros telefônicos e descobrir em que Olívia está metida antes que seja tarde demais para alertar a Presidente Taylor (Cherryl Jones). O desfecho desse episódio deixou uma sensação que já vimos muitas vezes em outras temporadas: Kim em perigo e Jack sendo ameaçado a fazer de tudo para salvá-la. Mas será que para isso Jack seria capaz de libertar Tony, o homem que “surgiu dos mortos” nessa temporada, fingiu ser seu amigo e depois o traiu? E o que acontecerá com Olívia Taylor quando as suspeitas da morte de Hodges caírem sobre ela? Os próximos dois episódios marcam a season finale da 7ª temporada, portanto muitas coisas ainda estão para acontecer nesses dois últimos episódios e irão marcar ainda mais essa temporada, na opinião de muitos, como a melhor de todos os tempos.

Nota: 9,5

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: