Desperate Housewives (5.23/24) – Everybody Says Don't/If It's Only in Your Head

Maio 29, 2009

snapshot20090529181725Finalmente criei coragem para escrever o review desta season finale de Desperate Housewives. E a razão da demora é porque não gostei do que vi e é sempre muito aborrecido escrever sobre algo que não se gosta. O salto de cinco anos só prejudicou a série e nada trouxe de novo, e ainda para piorar a situação, o mistério da temporada acabou tão… normal! Não estou a dizer que deviam ter morto o MJ, longe disso, mas sei lá… soou muito banal a cena em que Dave o deixa sair. Diria até que foi um pouco cliché, estava à espera de mais acção daquela que houve e talvez uma luta entre o Dave e o Mike não era mal pensado.

E que destino foi aquele que deram ao Dave? Mandaram outra vez para o hospital psiquiátrico?! Estava à espera de algo mais original neste aspecto também. Mas o mais rídiculo de tudo foi a cena que encerrou a temporada: um casamento está a acontecer em Fairview e apenas se conhece o noivo – Mike -, mas está claro que a noiva é a Susan e não a Katherine (como esta personagem se tornou tão chata!). Isso era suposto ser um cliffhanger? É que se fosse, uma recente sinopse da sexta temporada revelou que a noiva é mesmo a Susan.

Quanto às outras donas de casa, temos até umas boas histórias para a sexta temporada. Não, não estou a falar da relação entre a Bree e o Karl, pois para mim esta é uma das piores storylines que se pode ter na sexta época. Espero que não dure muito tempo, assim como espero que o divórcio entre ela e o Orson saia logo! A gravidez da Lynette pode render bons momentos no futuro, mas não deixa de soar um pouco ‘vira o disco e toca o mesmo’.

Por outro lado, a relação entre a Gaby e a sobrinha do Carlos é das histórias que tem mais potencial de vingar a partir de Setembro. Agora a modelo tem uma adversária à altura e vamos ver como se vai desenrolar esse embate. As cenas da Mrs. McCluskey e da sua irmã, Roberta, são sempre muito divertidas. Que venha este spin off anunciado pela ABC que se vai centrar nas duas velhotas. Pode ser que até seja hilariante! Ainda estou indeciso se hei-de ver a sexta época, mas pelo rumo que as coisas estão a tomar, acho que nem vou pegar na premiere.

Nota: 7,8

Anúncios

Flashpoint (2.12) – Last Dance

Maio 29, 2009

flashpointNum episódio sem muita negociação, Last Dance mostra o lado mais familiar de Flashpoint. O caso restringiu-se a um casal em fuga, sem saber bem do que e para onde ir. A equipa do sargento Greg Parker a procura das migalhas que iam deixando durante o caminho e a tentar as motivações deste par. Foi mais investigação que negociação. Com alcançarem o casal, começa-se a fazer luz sobre a sua situação. Tudo se deve a doença que afecta a mulher, que a deixa unicamente, no máximo, com duas semanas de vida. O marido promete que tudo o que ela pedisse será concretizado, e assim começa a noite. A última dança já é dançada com a promessa que ficarão juntos para sempre, que nenhum deles terá de cometer suicídio. Um caso mais emocional do que o normal.

Quanto a equipa, temos um espírito de família muito presente. Primeiro os telefonemas aos familiares, ficando a surpresa de Jules não ter telefonado a ninguém e Sam já ter novo par romântico. Depois, todo o caso afecta a equipa, demonstrando que também eles são seres humanos. Fica retido na memória o pedido de Parker para deixar os pombinhos juntos até que a morte os separe.

Flashpoint constrói um caso muito emocional, um pouco fora do estilo que nos tem habituado, mas mantêm um bom ritmo.

Nota: 8


E o programa que mais me diverte é… Wipeout!

Maio 29, 2009

5v85sgjpg

A maioria de vocês já sabe, através de artigos anteriores, que eu sou muito esquisito em termos de comédia e que não é qualquer uma que me diverte. Durante o intervalo de Lost, quando vi a season finale ao vivo, deparei-me com uma publicidade a Wipeout. Como fã dos já extintos Jogos sem Fronteiras foi com agrado que comecei a pesquisar mais sobre esse concurso da ABC. O objectivo é simples: completar os desafios o mais rápido possível. Até aí parece que é apenas mais um programa sem qualquer interesse, mas quando se junta concorrentes convencidos e quedas de nos partir a rir, a história já é diferente.

Em cada episódio, 24 concorrentes disputam pelos primeiros lugares, onde vão poder ir à Wipeout Zone, o último dos desafios. Aquele que conseguir ultrapassar todos os obstáculos da Wipeout Zone em menos tempo, ganha cinquenta mil dólares. A primeira temporada estreou no Verão passado e a segunda começou na quarta-feira (desta semana). É, sem dúvidas, um concurso para acompanhar ao longo dos próximos meses!

Se quiseres ver um pouco sobre Wipeout, tem um vídeo promocional da primeira temporada de seguida. Também podes fazer download do primeiro episódio da segunda temporada através dos links que estão abaixo. Tenho a certeza que não se vão arrepender. Para ver online a estreia da segunda temporada, basta clicarem aqui.

Wipeout.S02E01.HDTV.XviD-DVSKY

http://hotfile.com/dl/4171315/4c8d269/wipeout.s02e01.hdtv.xvid-dvsky.avi.html
ou,
http://d01.megashares.com/dl/999fde2/wipeout.s02e01.hdtv.xvid-dvsky.avi
ou,
http://netload.in/dateitdMiUqMhRe/wipeout.s02e01.hdtv.xvid-dvsky.avi.htm
ou,
http://www.megaupload.com/?d=OW0NG4JG


Elenco de BSG encontra-se numa nova série

Maio 28, 2009

6a00d834518cc969e201053699fa15970b-800wiSegundo Michael Ausiello, da EW, os atores Tricia Helfer e Michael Hogan ainda vão permanecer na emissora de Battlestar Galactica (Sy-Fy) por mais um tempo. A ex-Six e o ex-Tigh da série que terminou em janeiro irão estrelar uma nova série paranormal que pretende misturar drama e comédia. A série se chamará Warehouse 13 e está programada para estrear no dia 7 de Julho. Enquanto Helfer irá fazer uma agente do FBI de Chicago, Hogan irá fazer o pai da heroína da série, Myka, personagem de Joanne Kelly.

Ironicamente a mãe da garota será interpretada pela própria esposa de Hogan na vida real, Susan. Ainda no terreno de Battlestar Galactica, Mark Sheppard – que fazia um advogado na série – também deve aparecer em Warehouse 13 como uma figura enigmáica que representa a organização que controla a Warehouse.

Enquanto isso outra atriz do elenco, Marry McDonnell, de Battlestar Galactica está cotada para aparecer em The Closer, enquanto que Jamie Bamber já está na série inglesa Law and Order UK.


Lie to Me (1.13) – Sacrifice

Maio 28, 2009

lie-to-me1 Quando um episódio assenta em terrorismo costumam surgir duas coisas: ou o episódio é muito mau, devido a incoerência com o real; ou o episódio não é nada de especial, pois o terrorismo só surgiu para tentar criar um pouco mais de acção. Depois há o terceiro caso, muito raro e quase sem voto para a matéria: o do episódio ser muito bom, que supere as expectativas. As expectativas para a Season Finale de Lie to Me não eram muitas, devido ao seu carácter de procedural, mas ainda eram umas quantas. E quando comecei a ver o episódio parecia-me que ele cairia sobre a terceira hipótese. Só no decorrer do episódio é que percebi que pouco mudou dos episódios normais, por isso se incluiria no segundo caso mencionado.

O terrorismo anda a solta, e Lie to Me aproveita o terror que ele causa para construir um caso. Um autocarro explode, a cidade fica um caos, os fantasmas do 11/Set voltam a assombrar. É neste ambiente que Cal Lightman e a sua equipa são chamados, para tentar descobrir a verdade entre o caos. Todas as pessoas se juntam, desde a ex-mulher de Cal até ao namorado de Ria, para que os culpados sejam encontrados. Muitas questões são colocadas, algumas respondidas verdadeiramente, outras não, muitos suspeitos surgem mas nada impede que outra explosão ocorra. A procura continua, agora mais afincadamente e o suspeito surge quase do nada. De novo o islamismo extremo a atacar, agora utilizando pessoas que não sabiam que iam a transportar uma bomba. De resto, tivemos um resumo da maior parte das técnicas que Lie to Me já apresentou e umas aprendemos umas quantas mais. Um bom resumo.

O episódio também se focou na vida das personagens fixas, mas nada que viesse aumentar a qualidade do episódio. Foi a libertação de algumas pontas que já estavam atadas. Desde a formação de um triangulo amoroso entre Cal, Foster, que se separou do marido, e a ex-mulher Lightman. Algo para ver na próxima temporada.

Outro ponto do episódio foi o acidente do namorado de Torres. Nada de mais, apenas serviu para ver que Ria não é tão racional como Lightman, mas que o chefe manda e que as regras foi ele que as criou e são para cumprir.

Por último vemos porque foi incluído o agente do FBI na equipa. Para dar uns tiros ao terrorista.

E foi o episódio final. Podia ter sido bem melhor, mantido o nível dos anteriores, mas também serviu para fazer um resumo da série.

Nota: 8,7

SEASON FINALE


Audiências EUA: Top 20 da temporada

Maio 28, 2009

lost2

Neste último artigo sobre a audiência da temporada 2008/09 está a lista dos vinte programas mais vistos deste ano, na faixa dos 18 aos 49 anos de idade, a mais importante da televisão americana. Entre os vinte programas, apenas nove são séries, sendo os outros reality shows e programas de desporto. O primeiro lugar de American Idol não é surpresa para ninguém, e Desperate Housewives consegue subir de lugar em relação à temporada passada.

O mais surpreendente de todos, para mim, é o décimo primeiro lugar de Lost. Eu pensava que este ano a série não ia integrar essa lista, mas pelos visto enganei-me e é a sexta série mais vista por essa faixa demográfica. Survivor continua a não demonstrar sinais de desgaste e volta a estar figurado no Top. Heroes e Terminator: The Sarah Connor Chronicles estavam, na temporada passada, em quinto e vigésimo lugar (respectivamente), mas este ano não estão na lista.

A seguir pode ver os detalhes, tanto na temporada que finalizou recentemente, como na passada.

2008/09

Rank Programs Network STD Adults 18-49 Live+SD (000) P18-49 Rating
1 AMERICAN IDOL-WEDNESDAY FOX 12,196 9.2
2 AMERICAN IDOL-TUESDAY FOX 12,043 9.1
3 NBC SUNDAY NIGHT FOOTBALL NBC 8,533 6.5
4 DESPERATE HOUSEWIVES ABC 6,799 5.2
5 GREY’S ANATOMY ABC 6,278 4.8
6 TWO AND A HALF MEN CBS 6,215 4.7
7 HOUSE FOX 6,140 4.7
8 DANCING WITH THE STARS ABC 6,135 4.6
9 CSI CBS 6,000 4.5
10 THE OT FOX 5,772 4.4
11 LOST ABC 5,597 4.2
12 SUNDAY NIGHT NFL PRE-KICK NBC 5,578 4.2
13 SURVIVOR: GABON CBS 5,543 4.2
14 OFFICE NBC 5,292 4.0
15 THE BACHELOR ABC 5,245 4.0
16 RULES OF ENGAGEMENT CBS 5,154 3.9
17 SURVIVOR: TOCANTINS CBS 5,073 3.8
18 BIGGEST LOSER 7 NBC 5,020 3.8
19 DANCING W/STARS RESULTS ABC 5,017 3.8
20 CSI: MIAMI CBS 4,836 3.7

2007/08

Rank Programs Network STD Adults 18-49 Live+SD (000)
1 AMERICAN IDOL-TUESDAY FOX 13,978
2 AMERICAN IDOL-WEDNESDAY FOX 13,450
3 NBC SUNDAY NIGHT FOOTBALL NBC 8,291
4 HOUSE FOX 7,072
5 HEROES NBC 6,958
6 DANCING W/THE STARS-MON ABC 6,922
7 LOST ABC 6,402
8 DANCING W/STARS RESULT-TU ABC 6,200
9 DANCING WITH THE STARS ABC 6,128
10 HELL’S KITCHEN FOX 6,091
11 SURVIVOR: CHINA CBS 6,083
12 MOMENT OF TRUTH FOX 5,914
13 OT, THE FOX 5,727
14 DANCING W/STARS RESULTS ABC 5,589
15 SUNDAY NIGHT NFL PRE-KICK NBC 5,551
16 SURVIVOR: MICRONESIA CBS 5,508
17 DESPERATE HOUSEWIVES ABC 5,312
18 GREY’S ANATOMY-THU 9PM ABC 5,229
19 TWO AND A HALF MEN CBS 5,206
20 TERMINATOR: SRH CNR CHRON FOX 5,189

Fonte: TVbytheNumbers


Dexter ganha data de estreia e novo vilão

Maio 27, 2009

dexter-season3Depois do Ice Truk Killer, do Doakes, da Lila, do Skinner e do Miguel Prado, Dexter vai ganhar um novo vilão na quarta temporada. Walter Simmons é interpretado por John Lithgow e o Ausiello, colunista da EW, já divulgou alguns detalhes sobre a personagem. Ao que parece, Simmons tem aspecto de ser uma pessoa normal, mas por detrás dessa faceta esconde um serial killer. Dexter, como não podia deixar de ser, vai construir uma ligação, mas ao contrário do que se esperava, o protagonista vai querer é aprender com o assassino, isso porque ele passou três décadas sem nunca ter sido capturado.

‘Trinity Killer’ é o apelido dado a Walter devido à sua forma de matar: ele assassina três pessoas ao mesmo tempo cada vez que comete o crime. Ausiello ainda divulgou a data de estreia da nova temporada de Dexter: 27 de Setembro. Confesso que não estava muito entusiasmado com essa temporada, mas depois de ler estas informações a minha curiosidade subiu um pouco. Vamos ver se não me desilude como aconteceu com a primeira metade da época passada.