Reaper – Segunda Temporada (2009)

Julho 3, 2009

tv_reaper10Essa 2ª temporada de Reaper mostrou que existem algumas modas que persistem em assolar a televisão mesmo depois de termos pensado que esse mal já tinha acabado. Exibida nas noites de terça-feira, a série teve 13 episódios exibidos dos quais em pelo menos 8 ou 9 semanas ela permaneceu à frente de uma das queridinhas da CW – 90210 – e mesmo isso não foi o suficiente para que a CW renovasse Reaper para sua 3ª temporada. Durante toda essa 2ª e ultima temporada vimos a busca quase que incansável de Sam Bret Harrison) para encontrar uma maneira de livrar sua alma do acordo com o Diabo (Ray Wise). Confesso que apesar de toda a trama “Sam é filho do Diabo e vai governar as trevas” ter sido bastante abordada muito nessa temporada, a característica principal do personagem, sua amizade e lealdade aos seus princípios básicos, não deixou em nenhum momento a impressão que de isso realmente iria acontecer em um futuro próximo e isso fez com que a história de tentar se livrar do acordo foi o tema principal, deixando até mesmo as caçadas as almas fugitivas, que foi um dos destaques da 1ª temporada.

Falando um pouco dos amigos de Sam, tivemos nessa temporada Ben (Rick Gonzalez) conseguindo arrumar uma namorada. Nina (Jenny Wade) foi um dos demônios que tentou matar Sam no começo da temporada, mas depois que conheceu Ben ela gostou muito e a paixão que um sentia pelo outro foi enorme. Andi (Missy Peregrym) esteve um pouco mais apagada nessa temporada, devido a um dos focos da 1ª temporada ter sido Sam tentando conquistar Andi sem poder revelar quem ou o que ele realmente era, mas que durante essa 2ª temporada ela até começou a ajudá-lo quando podia, mas em determinados momentos eu percebia que ela iria surtar, e foi exatamente isso que aconteceu e Andi terminou o namoro com Sam, mas nem por isso ela deixava de ajudá-lo a sair do seu acordo. Tanto é que ofereceu sua alma ao Diabo para que Sam tivesse outra chance de ganhar as almas de ambos novamente, mas graças a uma “intervenção divina” de Steve (Michael Ian Black) o plano não saiu como planejado.

Sock (Tyler Labine) foi o melhor da temporada no termo comédia, já que o personagem veio ganhando ainda mais destaque do que quando começou a 1ª temporada. Dessa vez ele esqueceu seu relacionamento com Jody (Valarie Rae Smith) e passou um tempo solteiro, e foi nessa mesma época que conheceu sua meia-irmã Kristen (Eriko Tamura). A jovem apareceu na vida de Sock e com um jeitinho de menina e corpo de mulher deixava seu “irmão” com vontade de fazer várias coisas que um irmão de verdade jamais pensaria em fazer. Após muito tempo e muita conversa, eles sucumbiram ao desejo e tentaram ter um relacionamento, mas devido a problemas culturais por parte de Kristen isso acabou atrapalhando o futuro dos dois e ela foi embora, deixando Sock para trás, mas isso nem foi motivo para deixar nosso hilário personagem de mal humor, muito pelo contrário.

Confesso também que não gostei da forma como a série acabou, e acho que falo por todos os fãs que adorariam ver um desfecho sobre quais planos Steve estava falando ao quebrar a mão de Sam, impedindo ele de recuperar sua alma e a de Andi de volta. Fica claro que ainda tinha muita coisa a ser explorada e eu gostaria de ver essa batalha entre Céu x Inferno que viria a partir da 3ª temporada, se seria alguma coisa nos mesmos moldes do que aconteceu da 4ª temporada de Supernatural, mas infelizmente isso vai ficar apenas como especulação na cabeça dos fãs e também ficará para sempre em nossas lembranças os divertidíssimos momentos proporcionados nessa 2ª temporada. Reaper pode ter acabado, mas isso não é motivo para deixarem de procurar os episódios, baixar e virar mais um fã aficcionado que também ficará triste como o modo que as coisas acabaram na série, mas pelo menos irão compartilhar de mais alegrias e risos do que momentos tristes.