10 Things I Hate About You (1.07) – Light My Fire

snapshot20090820201231Atitudes previsíveis são facéis de decifrar, pois afinal elas são bem transparentes.  Atitudes inesperadas por sua vez, funcionam como um mix de empolgação e frustação, que por fim cumprem ou não as expectativas.  10TIHAY mostrou solidez e certa maturidade, neste que na minha opinião foi o melhor episódio até agora. Fazia certo tempo que não acompanha séries do mid-season, porém resolvi me arriscar com essa e estou bastante contente, creio que todos que acompanham a série ficam mais leves e descompromissados após assistir a nova aposta da ABC Family, pois ela se apresenta de forma prazerosa.

Tudo gira em torno do caótico incêndio ocorrido no bairro, obrigando a “população” a se alojar no Padua High School, pelo menos enquanto os bombeiros  minimizem os danos. Porém a cena que abre o episódio é sem dúvida mais marcante e inesperada, com uma performática Kat cantando em seu quarto para um público exclusivamente composto pelo imprevisível “Mr. Intensite”, que obviamente deu o maior susto nela quando aparece do nada em sua janela. As tradicionais frases de referência, desta vez a True Blood, quando Patrick diz que é um vampiro e ela tem que convidá-lo para entrar. A “Little Miss Wannabe” invade o quarto com o cabelo todo enrolado e com prazer tenta constranger sua Big Sis .

Toda a baboseira com a “Chaticity” eu vou dispensar, porém algo novamente inesperado acontece. Bianca faz o que talvez ninguém nunca tenha feito, enfrenta bravamente a cheerleader  irritante como um “You’re such a B-I-T-C-H”, revelando o quanto ela é “difícil de lidar” e o quanto os outros a odeiam.  Soma-se mais uma estrela para ela no meu mural, pois tava demorando pra isso acontecer. Novamente “Mr. Nice Guy” apronta das suas, sendo que desta vez pensa ter sido ele o provocador do incêndio. Muito cômico quando ele pedi conselhos pro Patrick e ele diz que se confessar provavelmente passará de 5 a 10 anos na cadeia, mas o bom disso tudo é que com esse rosto bonitinho dele, ele conseguirá um bom maridão.  “Dad Strafford” interagi com a amiga de uma mulher grávida, foi bom vê-lo mais solto (vulgo bêbado) e conversando com outra mulher, fator difícil após a morte de sua esposa.

Tchan tchan tchan e os grandes acontecimentos do episódio voltam-se para o casal que aos olhos comuns pode ser previsível, mas não é e digo o por que. Mesmo de forma muito estranha, não podiamos esperar uma declaração, poisa convenhamos que não é muito a cara do “Mr.Intensite” fazê-la e muito menos da “Ms. Spine Cactus” em recebê-la. Depois de muito enrolar, Kat resolve seguir Patrick até o telhado e o confronta sobre o que ele tanto queria falar com ela. Claro que a tagarela acaba se calando quando ele a beija e assim o tão esperado encontro dos dois acontece. Quando falei em expectativas e frustações, essa cena mostra o quão delicado esse possível relacionamento pode ser, pois nitidamente as motivações de ambos parecem diferentes, mas nada mais natural, pois Patrick assume a personalidade do cara pretencioso e galanteador, que curte o momento e Kat por sua vez assume a personalidade da garota decidida e cheia de princípios morais, que mesmo gostando do beijo como qualquer outra garota gostaria, não se contenta com o cargo de ser “mais uma pra somar” na vida dele. Quando Patrick finaliza com o  ” Why you make everything soooo difficult?” e ela rebate com o “Because i’m not easy”, fica claro mais uma vez as desventuras em série que eles enfrentarão daqui pra frente.

Nota: 9,6

0 respostas a 10 Things I Hate About You (1.07) – Light My Fire

  1. elizabeth diz:

    Ola…

    Podes me dizer onde estas a fazer download desta serie?
    Beijos e Obrigada

  2. Até gostei do episódio, mas ainda prefiro o anterior. Não me empolguei com as tramas de Cameron nem do pai das protagonistas… Mas até q achei cute a relação Patrick Kat e ele ter ido na casa dela salvar os vinis da mãe… ^^ asertrhnb

  3. Mais um excelente episódio. Adorei o início do episódio e acho que faz mais referência a Buffy (quando o Angel a visitava da janela) do que propriamente True Blood.

    Cumpz

    • Considerando q eu era uma rapariga de uns 15 e 16 anos qdo assistia Buffy, realmente TB está mais proximo do meu imaginário….(FAlando assim parece q sou mega velha).. Mas perfeitamente bem lembrado esse ponto!

  4. keishajl diz:

    Realmente está serie está a surpreender-me. Sou uma grande fã do filme original,com Heath Ledger e a Julia Stiles, mas a nova serie trouxe algo de novo… e parto-me toda a rir com típicas referencias a filmes, series…tá demais mesmo!

    Adorei a actriz que faz a personagem Kat… está realmente muito bem no papel, na minha opinião e o Patrick.. omg, aquele actor é bom todo os dias,😄 e..ok, tbm me parece ser um excelente actor…
    A serie tem as suas diferenças do original, mas vai ficando cada vez ao mesmo nível.
    Espero que não a cancelem, porque estou a adorar!

    Já agora… excelente review do episódio, parabéns!

    • Q bom q está gostando, eu tb acho q a série é uma brisa nova de verão e esta a agradar mto, mto mesmo!!!
      GOsto da maneira com q ela se distancia do original e coloca um proprio ritmo a sua trama e claro as atuações são incriveis e por vezes até leves, oq combina perfeitamente com a proposta da série.
      Vamos torcer pra q eles não a cancelem!!!
      Obrigadaaa pelo elogio, tem sido realmente um prazer escrever sobre essa série.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: