10 Things I Hate About You (1.10) – Don't Leave Me This way

Setembro 10, 2009

snapshot20090910201122Estou realmente dividida para escrever este review, muitos irão contra o que irei dizer, outros me acharão contraditória perante tudo que já escrevi sobre a série, mas tentarei ser mais crítica possível, de uma forma diferente do que talvez tenha sido até agora. Conseguimos analisar uma nova série quando a mesma chega ao seu final de temporada. 10TIHAY mostrou-se um sucesso absoluto desde que estreou dia 07 de julho deste ano, porém alguma ressalvas devem ser feitas antes de falar propriamente sobre o episódio. Seu curto tempo de duração até então pareceu nunca atrapalhar o ritmo agradável e dinâmico que a história exigia, até por que fluia de forma coerente. Entendo que tudo tem que acontecer mais rapidamente, porém apontei diversas falhas neste, nas quais não tinha apontado em meus reviews anteriores, fato disso talvez por que”Don’t Leave Me This Way”  foi, na minha opinião o pior da série e efetivamente senti-me abandona, assim como o título do episódio. Visualizei a dificuldade que deve ter sido amarrar todas tramas desta fase e prepará-la para a próxima, porém para mim praticamente tudo soa sem autenticidade neste episódio.

As irmãs Strafford tem que lidar com alguns acontecimentos relacionados a “Big Party“. Little Sis e o beijo com o “Empty Head Joey” e Big Sis com a ligação constragedoramente alcoolizada que fez ao Mr.Intensite. Tomada por sua consciência pesada e como irá enfrentar a “Cold Hard Bitch”,  a Little Wannabe Popular ironicamente alcança um lugar no “Hall of Fame” , entrando finalmente para o grupo das cheerleaders, porém nem tudo é festa, pois o Padua High School sofrerá uma verdadeira reviravolta no seu sistema de normas, anulando qualquer liberdade existente entre os alunos, inclusive suas roupas.  Neste momento surgiu em minha mente a chama da “Revolutionary Big Cactus“, mostrando certo intusiasmo com os protestos e manifestações para abolir o uniforme e lutar pelos direitos civis. Foi interessante ver o total desinteresse da diretora, porém é ela que dá a grande dica a Kat, estimulando-a a procurar ajuda da pessoa mais indicada para influenciar o superintendente: sua filha Chaticiti vulgo Cold Hard Bitch, que aliás acabou recentemente seu relacionamento com o Empty Head Joey. Considerando o histórico entre as duas, foi bom vê-las interagindo de forma benéfica, assim unindo forças contra a imposição. Kat não é uma líder nata, assim a Bitch consegue a atenção de todos os alunos, puxando um coro animado “Uniforms SUCKS” e claro muito “persuassiva” chantagea seu pai e este anula o uso dos uniformes.

Considero também que apesar de fofo o casal, não consigo ter opinião formada sobre Joey e Bianca, a exemplo do momento em que ele a tira da multidão, girando-a no ar, cuja situação rende o beijo que é visto pelo “Poor Poor Nice Guy” e também pela “Cold Hard Bitch“, está que não consegue ter a mesma visão “tela de cinema” que o Cameron. O humilhado Cameron talvez tenha sido a grande surpresa nesta cena, pois consegue depois se impor mesmo que com dificuldade e deixar claro que não pode estar por perto dela se pretende superá-la de vez. Tudo flui superficialmente, ainda mais quando Chaticiti confronta a Little Wannabe no banheiro, deixando claro que tem uma visão péssima, não reconhecendo a garota que estava com seu ex. Sinceramente, qualquer um somaria 2+2, porém não era interessante no momento revelar tal acontecimento, respeito plenamente isso. Mas creio que minha grande revolta seja a inconstância de Kat, que se mostrou vulnerável e totalmente influenciável, sinceramente não consegui acreditar nela se rebelando amarrada na árvore junto com a Mandela, a gota d’água foi o momento em que seu pai chegou e fez todo o discurso de pai, cumprindo obviamente seu papel mais uma vez, porém foi a atitude instável dela logo em seguida que me deixou confusa, mostrando falta de expressividade perante uma personagem tão autêntica . Tudo parecia se perder naquele momento, quando ela resolve contentar-se com o pouco que tem. Para concertar e voltar a ser a boa e velha Big Cactus, essa resolve seguir o rebelde Mr. Verona, encarando uma provável expulsão, mas mesmo assim não me convence tal atitude.

Agora explicarei o por que não gostei do episódio, admito que posso estar exigindo demais ou ter criado muita expectativa sobre, mas sem dúvida iria mentir se desse uma nota mega alta a este. Não consigo mirar o alvo e culpar propriamente alguém, acho que a história em si trabalha de forma favorável comaquilo que tem a oferecer, porém não senti aquela chama que sempre sentia ao assisitir. Primeiro: as atuações não convencem, Segundo: cada cena é atropelada pela outra sem dar tempo de se recuperar, Terceiro: ficou evidente que o curto espaço de 20 minutos impossibilita uma melhor construção dos acontecimentos, Quarto: Não senti química entre os personagens, mesmo aqueles que estavam totalmente próximos (Kat e Patrick na moto ao final) e mesmo Joey e Bianca não resistindo um ao outro com todos aqueles beijos “calorosos”, Quinto: Os marcantes diálogos e algumas das sacadas características não conseguiram surtir muito efeito. Claro que não pode-se nivelar tudo e desconsiderar o que a série fez até então, pois todos que lêem meus reviews sabem que  adoro a forma com que 10TIHAY se desenvolve, porém com esse season finale fiquei um pouco preocupada com a dinâmica e continuidade para a segunda temporada, mas coloco na minha cabeça que só encontrarei respostas com o retorno do mid-season ano que veem.  Acredito que mesmo por mais que gostamos e elogiamos sempre alguma coisa, temos o dever de apontar as falhas e erros decorrentes.

65

Anúncios

90210 (2.01) – To New Beginnings

Setembro 10, 2009

90210 2-0190210, está de volta e com ele os reviews que estarão novamente a meu cargo. Depois de um final de temporada que deixou muitas incertezas e perguntas por responder, acabando por ser um episódio até acima da média a que 90210 nos tinha habituado. 90210 está de volta com a sua nova temporada e havia algumas expectativas para o episódio de abertura. Algumas das acções da temporada passada têm agora as suas consequências, depois de Annie denunciar a festa de Naomi telefonando para a polícia, o castigo passa pelo curso de verão, sendo que as consequências para Annie são bem mais drásticas quer emocional, quer judicialmente. A sua saída totalmente desorientada e com uma garrafa de vodka como companheira de viagem terminam num atropelamento e fuga e as noticias que chegam não são as mais animadoras.

Depois da traição amorosa de Liam, Naomi parece estar a aproveitar a vida e para isso nada melhor que direccionar as sua opções entrando numa relação com um homem bem mais maduro.Mas a loirinha parece não estar destinada a ter sorte nas relações e afinal o senhor das mãos carnudas é casado e pai de filhos. Outra das histórias que ficou pendente foi entre o recentemente formado triângulo amoroso entre Dixon, Silver e Ethan. Uma história que até podia ter sido mais bem explorada e desenvolvida, mas que ficou por uma simples mensagem de Ethan, uma conversa rápida com Dixon, o reatar e o acabar tudo sem grandes desenvolvimentos nem explicações. Outro relacionamento que também já viu melhor dias é o de Adrianna e Navid, tendo como base de discussão o sexo. Navid quer perder a virgindade já Adrianna mudou de atitude e agora esperar faz parte do seu dicionário, Adrianna sem dramas a caminho. Resta saber até quando Navid vais esperar, e continuar a ser o namorado paciente e compreensivo que sempre foi.

Conhecemos um novo aluno, Teddy, nada mais nada menos que o primeiro namorado de Adrianna, o que também não contribui para a boa disposição de Navid, afinal ninguém o primeiro amor é sempre único e especial. Falando agora um pouco de Annie, que sempre achei um pouco irritante, começa esta nova temporada um pouco mais irritante, envolta num drama pessoal, e numa tremenda confusão resolve isolar-se e barafustar com todos, chegando a envolver-se com Mark, depois de mais uma vez encher a cara. E para terminar um episódio um pouco insonso, temos o reaparecimento de Liam, depois de no fim do episódio passado ter sido mandado para uma escola militar noutro estado, está de volta e disposto a esclarecer tudo com Naomi. De quem não se teve notícia foi de Jen, será que terá ido de vez, se foi já não era sem tempo. Esperava-se um pouco mais de 90210, depois das histórias deixadas em aberto no episódio anterior, este episódio acabou por não corresponder às expectativas.

64


Maura Tierney abandona Parenthood

Setembro 10, 2009

97700-tierney_maura_341Segundo o The Hollywood Reporter, Maura Tierney foi retirada do novo drama da NBC – Parenthood – devido a conflitos de agenda entre a produção da série e os tratamentos do seu cancro de mama. A NBC já começou os castings para achar a substituta de Tierney no projecto baseado no filme de 1989, escrito e produzido por Jason Katims (Friday Night Lights).

“Maura Tierney e os seus médicos continuam confiantes que tudo vai correr bem,” disse um porta voz da actriz esta quinta. “Ela está muito desapontada por não conseguir interpretar este papel no meio do tanto respeitado, talentoso e divertido grupo de actores e quer agradecer a paciência e apoio ao Jason Katims e à NBC.”

Parenthood era para ter começado agora no mês de Setembro mas a data de estreia foi alterada para a midseason americana quando em Julho foi descoberto o tumor. Foi então dado até Novembro para Tierney conseguir fazer o tratamento, mas parece que vai demorar mais que o previsto, logo se a NBC quisesse mesmo estrear a série este ano, teria que a substituir.

“Ao mesmo tempo que estamos tristes por Maura Tierney não poder continuar com este papel em Parenthood, a nossa principal preocupação é que ela se recupere completamente e rápido,” disse um dos porta-vozes da NBC, que dizem estar 100% solidários com a actriz veterana de ER.


SBT estreia séries em horário nobre!

Setembro 10, 2009

SBTEu não sou do Brasil como já devem ter reparado, mas gosto de estar por dentro das novidades de lá. Conheço o SBT como sendo um canal que o público não gosta muito, com uma programação fraca e um desrespeito pelos horários e datas das séries no Brasil.

No último dia 6 de Setembro, estava previsto o canal estrear ao fim da noite a primeira temporada de ‘The Mentalist’ e a quarta de ‘Supernatural’. Ao que parece, uma mudança de última hora aconteceu e já nada disso foi exibido, sendo estas duas séries substituídas pela primeira temporada de ‘Californication’.

Mas não fiquem chateados com o canal, pois ele está prestes a começar algo que poucos fazem: exibir séries em horário nobre. Segundo a directora de programação do canal, Daniela Beyruti, as séries vão ser exibidas em sequência, tipo novela. A primeira a ser posta à prova é ‘Harper’s Island: O Mistério da Ilha’, que começa segunda-feira, dia 14, às 21h00. Séries como ‘Californication’ e ‘Six Feet Under’ serão exibidas depois da meia-noite devido ao seu conteúdo mais adulto.

Para consultarem as séries que o canal SBT possui e que certamente farão parte desta grade de horário nobre, podem visitar o site aqui. A mim resta-me deixar os meus parabéns à emissora e rezar que um dia a TVI também faça isso! Sonhar não custa nada, não é?


Edward Norton é a primeira grande contratação de 'Modern Family'

Setembro 10, 2009

edward-norton-hulkEdward Norton vai ser um dos primeiros convidados da nova comédia da ABC: Modern Family.

A série, que segue o estilo documentário de ‘The Office’ e que se centra em três famílias americanas suburbanas bem diferentes, vai estrear o protagonista de ‘Incredible Hulk’ na televisão num episódio que vai ao ar em Novembro.

O actor de 40 anos vai interpretar um baixista de uma famosa banda que será contratada pelas personagens de Julie Bowen e Ty Burrell, sendo que Burrell foi um dos actores de ‘Hulk’.

Modern Family estreia na ABC no dia 23 de Setembro, quarta-feira. O Portal de Séries já teve o previlégio de ver o episódio piloto, cujo review está aqui.


Audiências: Glee com bom demo!

Setembro 10, 2009

gleeEnquanto que a noite de terça foi de estreias da CW, a de ontem foi na FOX.

Às 20h00 tivemos a estreia da sexta temporada do reality show ‘So You Think You Can Dance‘ com 6.465 milhões de telespectadores, menos 1 milhão do que a série conseguia no Verão. Logo depois, no mesmo canal (FOX), Glee regressa com o segundo episódio, que conseguiu 7.136 milhões, mas teve um demo (a parte que interessa à publicidade) bem forte, mais até que a vencedora da noite em termos de telespectadores (America’s Got Talent (NBC) com 9,68 milhões).

Entretanto, a vida da CW não continua nada fácil. O programa que mais audiência trazia ao canal – America’s Next Top Model – teve uma estreia com apenas 3.24 milhões de telespectadores, enquanto que antes quase sempre passava dos quatro milhões. Hoje teremos as estreias de The Vampire Diaires e da quinta época de Supernatural, vamos ver se se saem bem. Gostaria de ver Supernatural com mais de 3.5 milhões.


CBS renova 'Big Brother'. Yeah!

Setembro 10, 2009

Sem títuloSegundo a CBS, o seu famoso reality show ‘Big Brother’ vai voltar no próximo Verão para uma décima segunda temporada.

O programa anual conseguiu sair-se bem na audiência desta temporada com uma subida de 7% em relação à décima época. Cada episódio foi visto por uma média de 7.1 milhões de telespectadores, um número bastante sólido para um reality show que requer comprometimento do público para três dias da semana (domingo, terça e quinta-feira).

Os altos níveis de audiências permitiram concluir que ‘Big Brother’ foi o único reality show de competição que viu a sua audiência crescer este ano, de acordo com o The Hollywood Reporter. Quanto aos produtores executivos, Allison Grodner e Rich Meehan devem continuar à frente do programa na décima segunda temporada. Enquanto isso, a décima primeira termina com um especial de duas horas na próxima terça-feira, dia 15 de Setembro.

Para quem não sabe, ‘Big Brother US’ foi o meu guilty pleasure deste ano. Decidi ver o primeiro episódio só por curiosidade e acabei viciado. Durante as férias, sempre que tinha mais de um episódio para ver, ‘Big Brother’ era sempre o primeiro!